Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 17 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Sesc Santo André completa três anos


Alessandro Soares
Do Diário do Grande ABC

06/03/2005 | 17:34


O Sesc Santo André completa três anos na próxima quarta na condição de maior centro de promoção de lazer e cultura do Grande ABC. Inaugurado em 2002, está completamente integrado à paisagem da região. "Este Sesc caiu do céu", afirma uma usuária, mas "não é um ET que caiu na cidade", ressalta Danilo Santos de Miranda, diretor regional do Sesc no Estado de São Paulo. Para ele, a unidade "encaixou perfeitamente" na região e seu impacto foi um dos mais positivos de toda a rede, formada por 30 unidades em todo o Estado.

Com público médio de 9 mil pessoas aos domingos, e recorde de 17 mil na terça-feira de Carnaval de 2003, o Sesc andreense tem como meta aperfeiçoar mais ainda as parcerias com as comunidades vizinhas da unidade, com universidades e com secretarias municipais. Na prática, a instituição realiza o que municípios, Estado e governo federal teriam de fazer por obrigação, moral e legal: insistir na cultura como ferramenta de inclusão.

Um dos pontos fortes de atração do Sesc Santo André, além da programação, é o projeto arquitetônico de Tito Livio Frascino e Vasco de Mello, que privilegia a luminosidade, a amplitude e a liberdade, destacando-se o espaço de eventos (para 2,4 mil pessoas), a área para Internet Livre, área de convivência (760 m²) e parque aquático com piscinas descobertas e coberta (aquecida) com 1,3 mil m² de um belo espelho d’água.

Foram sete anos de obras concluídas no fim de 2001, com uma paralisação entre 1997 e 1999. O custo total foi de R$ 28 milhões em 31.684,87 m² de área construída, localizada próxima à via Anchieta, o que facilita o acesso a cidades como São Bernardo, Diadema, São Caetano e São Paulo. Nesses três anos, a unidade ofereceu shows, espetáculos teatrais e circenses, exposições, atividades de lazer, oficinas culturais, esportes, odontologia, educação ambiental, turismo social etc. e continuará oferecendo.

A unidade tem cerca de 52 mil usuários matriculados, situação que pode ser pleiteada por quem trabalha em comércio ou empresas prestadoras de serviços. Basta levar RG, carteira profissional e o holerite mais recente. Para incluir dependentes como marido, mulher ou filhos, devem ser apresentadas certidões de casamento e nascimento. A taxa anual depende da renda mensal e varia de R$ 2 a R$ 8 para matrículas individuais ou de R$ 4 a R$ 15, conforme o número de dependentes. Esporadicamente, podem ser matriculados usuários que não se enquadrem nesse perfil.

Qualquer pessoa tem acesso a qualquer evento do Sesc, mas só matriculados podem usar Internet Livre, piscina, atividades esportivas ou fazer cursos e oficinas. Os telefones para informações são 4469-1200, 4469-1250, 4469-1251 e 4469-1252.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;