Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Petróleo com baixo teor de enxofre está sendo muito bem aceito, diz Petrobras



03/12/2020 | 13:49


O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, informou que o petróleo de baixo teor de enxofre do pré-sal brasileiro está sendo muito bem aceito no mercado internacional, e que vem sendo vendido com prêmio sobre o tipo Brent, referência dos negócios da estatal. "Estamos a caminho de consolidar o petróleo de baixo teor de enxofre que está sendo muito bem aceito, e negociado com prêmio em relação ao Brent", disse em painel da Rio, Oil & Gas 2020, que termina nesta quinta-feira, 3.

Ele afirmou que o Brasil está acostumado a ver o petróleo como um negócio local, mas a pandemia mostrou como é importante a inserção internacional, que compensou para a Petrobras a fraqueza do mercado interno no auge da crise da doença, em abril e maio.

"Temos perspectivas muito boas, porque o mercado é muito maior que o Brasil, e dão muito mais flexibilidade diante de uma crise. A Ásia é o mercado que mais cresce, se recuperou mais rapidamente, principalmente China e Índia, e precisam das nossas matérias-primas", avaliou Castello Branco.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Petróleo com baixo teor de enxofre está sendo muito bem aceito, diz Petrobras


03/12/2020 | 13:49


O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, informou que o petróleo de baixo teor de enxofre do pré-sal brasileiro está sendo muito bem aceito no mercado internacional, e que vem sendo vendido com prêmio sobre o tipo Brent, referência dos negócios da estatal. "Estamos a caminho de consolidar o petróleo de baixo teor de enxofre que está sendo muito bem aceito, e negociado com prêmio em relação ao Brent", disse em painel da Rio, Oil & Gas 2020, que termina nesta quinta-feira, 3.

Ele afirmou que o Brasil está acostumado a ver o petróleo como um negócio local, mas a pandemia mostrou como é importante a inserção internacional, que compensou para a Petrobras a fraqueza do mercado interno no auge da crise da doença, em abril e maio.

"Temos perspectivas muito boas, porque o mercado é muito maior que o Brasil, e dão muito mais flexibilidade diante de uma crise. A Ásia é o mercado que mais cresce, se recuperou mais rapidamente, principalmente China e Índia, e precisam das nossas matérias-primas", avaliou Castello Branco.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;