Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 27 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Será que comigo será diferente?

Se depender de decisões do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sobre o assunto, a água pode entrar no chope do chefe do Executivo


Do Diário do Grande ABC

15/09/2010 | 00:00


Não é sempre para ninguém mais no Grande ABC que o prefeito de Ribeirão Pires e presidente do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC, Clóvis Volpi (PV), trabalha para viabilizar sua candidatura a prefeito de Mauá, em 2012, cidade onde ele começou sua carreira política. Mas, se depender de decisões do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sobre o assunto, a água pode entrar no chope do chefe do Executivo bem antes da hora. É que no dia 3 de outubro, além de presidente, deputado estadual, federal, senador e governador, o eleitor do município de Valença, no Rio de Janeiro, irá escolher outro prefeito.

Em julho, o então titular do Paço Vicente Guedes foi cassado pela Justiça Eleitoral justamente por ter transferido título eleitoral para a cidade, já que antes havia sido prefeito da vizinha Rio das Flores por dois mandatos seguidos. Pelo entendimento do Tribunal, haveria a configuração do terceiro mandato. Em Mauá, não são poucas as pessoas que só estão aguardando Volpi anunciar a candidatura para correr na Justiça. Até lá, muita água vai rolar...

Início do namoro
Muita gente estranhou o fato de o vereador de Mauá, Manoel Lopes (DEM), ter declarado apoio à reeleição da deputada estadual Vanessa Damo (PMDB), apesar de o parlamentar ‘demo' sempre ter sido muito próximo ao pai de Vanessa, o ex-prefeito Leonel Damo. Mas possível mexida de peça no ninho democrata pode explicar a adesão: a provável ida do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM) para o barco peemedebista. Se Kassab, Manoel Lopes - que é muito próximo ao chefe do Executivo - também desembarca de mala e cuia para o partido. É esperar...

Outro revés
A situação de ex-prefeito de Mauá e candidato a deputado federal Francisco Carneiro, o Chiquinho do Zaíra (PMN) parece complicar cada vez mais. Após ter sido o primeiro candidato indeferido por conta de reprovação de contas (Chiquinho teve parecer do TCE contrário ao balanço de 2005, quando comandou o Sama), agora foi a vez do Ministério Público Eleitoral negar recurso político, já que o problema se caracterizaria como insanável. Resta agora o TSE. Pelo jeito, os próximos 20 dias serão de muita emoção para o ex-socialista de Mauá...

Dobrada socialista
O vice-presidente da Gestão Empresarial do Santo André e candidato a deputado estadual Romualdo Magro Júnior (PSB) fez corpo a corpo ontem, no calçadão da Coronel Oliveira Lima, importante corredor comercial de Santo André, com a deputada federal Luiza Erundina (PSB), que busca a reeleição. Para Romualdo, a caminhada com a parlamentar foi uma aula de política. "É bom estar ao lado de alguém tão experiente como a Erundina", diz Romualdo. Só é difícil convencer a ex-prefeita de São Paulo a falar bem de Paulo Skaf....



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;