Fechar
Publicidade

Domingo, 7 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Site conta a saga de uma família judia na 2ª Guerra


BETO GOMES
Do Diário OnLine

10/09/1999 | 17:12


Em 1942, o casal Frits e Ellen Mendels abandonou Paris com as duas filhas em direçao à vila de Le Got, em Dordogne, para escapar da perseguiçao dos nazistas. Lá, viveram por dois anos e meio, até o fim da Segunda Guerra Mundial. Neste tempo, a saga da família judia se resumiu basicamente à procura por esconderijos e a fugas do exército alemao. Durante a passagem por Le Got, tiveram ainda mais um filho, chamado Franklin.

As histórias e apuros pelos quais eles passaram - e iguais às de milhares de famílias que fugiram do Holocausto - ficaram apenas na memória de seus protagonistas e nao chegaram ao conhecimento do público. Foi entao que Jessica Mendels, filha de Franklin, resolveu contar a experiência de seus avós nos campos da França. A idéia virou filme após uma ampla pesquisa iniciada em 1993, e que agora já pode ser conferida no site homônimo à produçao, 29 meses no exílio.

Uma da principais características da página é a forma como Jessica mescla dados históricos do Holocausto com informaçoes sobre o filme. Nao exalta, tampouco faz marketing da produçao. Para ela, as experiências de sua família nada mais sao do que apenas uma parte da vida dos judeus durante o período da guerra.

Parte dos instrumentos de pesquisa utilizados pela autora também pode ser conferida no site. Em parceria com a Amazon.com, a página traz uma lista com mais de trinta livros, vídeos e documentários sobre o assunto. Relaciona ainda vários endereços de sites de organizaçoes, museus e centros de pesquisa.

E depois de acompanhar as informaçoes sobre o filme e a Segunda Guerra Mundial, o usuário pode conferir a galeria de fotos antigas da família Mendels, que traz imagens desde a década de 30. Evidente que nao há nenhum registro do período da guerra.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Site conta a saga de uma família judia na 2ª Guerra

BETO GOMES
Do Diário OnLine

10/09/1999 | 17:12


Em 1942, o casal Frits e Ellen Mendels abandonou Paris com as duas filhas em direçao à vila de Le Got, em Dordogne, para escapar da perseguiçao dos nazistas. Lá, viveram por dois anos e meio, até o fim da Segunda Guerra Mundial. Neste tempo, a saga da família judia se resumiu basicamente à procura por esconderijos e a fugas do exército alemao. Durante a passagem por Le Got, tiveram ainda mais um filho, chamado Franklin.

As histórias e apuros pelos quais eles passaram - e iguais às de milhares de famílias que fugiram do Holocausto - ficaram apenas na memória de seus protagonistas e nao chegaram ao conhecimento do público. Foi entao que Jessica Mendels, filha de Franklin, resolveu contar a experiência de seus avós nos campos da França. A idéia virou filme após uma ampla pesquisa iniciada em 1993, e que agora já pode ser conferida no site homônimo à produçao, 29 meses no exílio.

Uma da principais características da página é a forma como Jessica mescla dados históricos do Holocausto com informaçoes sobre o filme. Nao exalta, tampouco faz marketing da produçao. Para ela, as experiências de sua família nada mais sao do que apenas uma parte da vida dos judeus durante o período da guerra.

Parte dos instrumentos de pesquisa utilizados pela autora também pode ser conferida no site. Em parceria com a Amazon.com, a página traz uma lista com mais de trinta livros, vídeos e documentários sobre o assunto. Relaciona ainda vários endereços de sites de organizaçoes, museus e centros de pesquisa.

E depois de acompanhar as informaçoes sobre o filme e a Segunda Guerra Mundial, o usuário pode conferir a galeria de fotos antigas da família Mendels, que traz imagens desde a década de 30. Evidente que nao há nenhum registro do período da guerra.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;