Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 24 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Crediacisa inicia operação em novembro


Adriana Mompean
Do Diário do Grande ABC

22/10/2005 | 07:47


A Crediacisa (Cooperativa de Crédito Mútuo de Micro e Pequenos Empresários e Empreendedores de Santo André), que no último dia 13 recebeu autorização do Banco Central para entrar em funcionamento, deverá iniciar as atividades na segunda quinzena de novembro. A assembléia para aprovar o estatuto e eleger a diretoria está programada para ocorrer na primeira semana do mês.

A Cooperativa começará com 50 associados, que são os fundadores, e a previsão é que no primeiro ano este número chegue a 2 mil, e, em cinco anos, a 10 mil cooperados. Podem participar representantes do comércio, indústria, prestadores de serviços e profissionais liberais. A Crediacisa será vinculada ao Sicoob Central Cecresp (Central de Cooperativas de Crédito do Estado de São Paulo).

De acordo com Luís Antonio Sampaio da Silva, gerente-executivo da Acisa (Associação Comercial e Industrial de Santo André) e responsável técnico pelo projeto da cooperativa, no primeiro ano de funcionamento está previsto que a entidade reúna um capital integralizado de R$ 295 mil. "Até o terceiro ano, o montante deverá ser de R$ 1.462 milhão", diz.

A expectativa é que a Crediacisa ofereça taxas de 1,16% para empréstimo pessoal e para capital de giro, de 3,66% para cheque especial e de 2,16% para desconto de títulos. "Esta é a previsão que fizemos para o primeiro ano de funcionamento. O objetivo é reduzir estes percentuais ao longo do tempo", afirma Silva.

A Crediacisa será voltada para micro e pequenos empresários de Santo André que atuem nos segmentos da indústria, comércio ou serviços e que tenham faturamento anual de até R$ 1,2 milhão. "Apesar de ser uma iniciativa da Acisa, qualquer empresário ou comerciante do município poderá ser cooperado." A cooperativa irá funcionar em um espaço dentro da Acisa e terá inicialmente dois funcionários.

O Banco Central também autorizou no último dia 13 a criação de uma cooperativa de crédito em Campinas, uma iniciativa da Acic (Associação Comercial e Industrial de Campinas). De acordo com a Sicoob Central Cecresp, outros municípios também estão constituindo cooperativas de crédito por meio de parcerias entre as associações comerciais locais. Entre eles estão Leme, Rio Claro, Presidente Venceslau, Itapetininga, Piracicaba, Lençóis Paulista, Ribeirão Preto e Tatuí.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;