Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 12 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Jogadores considerados 'xodós' começam a perder espaço no Azulão

Sérgio Soares barra volante Tobi e nega 'estabilidade' a queridinho da torcida; jogadores lutam por uma posição


Marco Borba
Do Diário do Grande ABC

27/05/2009 | 07:00


Embora o São Caetano ainda não tenha encontrado o equilíbrio na Série B do Brasileiro - venceu apenas uma das três partidas disputadas -, o técnico Sérgio Soares garante contar com o respaldo da diretoria do clube para promover as mudanças que entende necessárias no elenco. Neste contexto, nem mesmo jogadores considerados pratas da casa ou xodós da torcida têm mais lugar cativo.

"Até o momento não sofri nenhuma interferência. Tenho de fazer o melhor, senão não dá para trabalhar. Coloco quem está no melhor momento. E o atleta que sai tem de reconhecer isso. E a luta por espaço tem acontecido com muito respeito entre eles", disse o treinador.

O volante Tobi foi o primeiro a perder o lugar depois de um ano e nove meses vestindo a camisa 5. A última partida dele como titular aconteceu na estreia do time na Série B, na derrota por 2 a 0 para o Bragantino, em Bragança Paulista.

Tobi chegou ao São Caetano em maio de 2007 e assumiu a condição de titular no mês seguinte. O jogador só não iniciava as partidas quando estava suspenso ou machucado.

Porém, nas últimas duas rodadas da Segundona Tobi ficou na reserva de Dias, contratado após o encerramento do Campeonato Paulista.

"Não estava acostumado com essa situação. Respeito a opção do treinador e vou continuar trabalhando para ajudar o time quando entrar em campo. É só com trabalho que vou reconquistar meu espaço", avalia Tobi.

A exemplo de Tobi e do goleiro Luiz, o também volante Ademir Sopa conta com a simpatia dos torcedores e da diretoria do clube, pois simboliza a alma do Azulão. Sopa conseguiu se firmar como titular no Paulista deste ano, depois de amargar boa parte da temporada de 2008 na reserva.

A equipe fez ontem treinamento tático em dois períodos e se prepara para enfrentar o América-RN, no sábado, às 16h10, no Anacleto Campanella.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Jogadores considerados 'xodós' começam a perder espaço no Azulão

Sérgio Soares barra volante Tobi e nega 'estabilidade' a queridinho da torcida; jogadores lutam por uma posição

Marco Borba
Do Diário do Grande ABC

27/05/2009 | 07:00


Embora o São Caetano ainda não tenha encontrado o equilíbrio na Série B do Brasileiro - venceu apenas uma das três partidas disputadas -, o técnico Sérgio Soares garante contar com o respaldo da diretoria do clube para promover as mudanças que entende necessárias no elenco. Neste contexto, nem mesmo jogadores considerados pratas da casa ou xodós da torcida têm mais lugar cativo.

"Até o momento não sofri nenhuma interferência. Tenho de fazer o melhor, senão não dá para trabalhar. Coloco quem está no melhor momento. E o atleta que sai tem de reconhecer isso. E a luta por espaço tem acontecido com muito respeito entre eles", disse o treinador.

O volante Tobi foi o primeiro a perder o lugar depois de um ano e nove meses vestindo a camisa 5. A última partida dele como titular aconteceu na estreia do time na Série B, na derrota por 2 a 0 para o Bragantino, em Bragança Paulista.

Tobi chegou ao São Caetano em maio de 2007 e assumiu a condição de titular no mês seguinte. O jogador só não iniciava as partidas quando estava suspenso ou machucado.

Porém, nas últimas duas rodadas da Segundona Tobi ficou na reserva de Dias, contratado após o encerramento do Campeonato Paulista.

"Não estava acostumado com essa situação. Respeito a opção do treinador e vou continuar trabalhando para ajudar o time quando entrar em campo. É só com trabalho que vou reconquistar meu espaço", avalia Tobi.

A exemplo de Tobi e do goleiro Luiz, o também volante Ademir Sopa conta com a simpatia dos torcedores e da diretoria do clube, pois simboliza a alma do Azulão. Sopa conseguiu se firmar como titular no Paulista deste ano, depois de amargar boa parte da temporada de 2008 na reserva.

A equipe fez ontem treinamento tático em dois períodos e se prepara para enfrentar o América-RN, no sábado, às 16h10, no Anacleto Campanella.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;