Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 16 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Técnico cobra empenho para o Santo André decolar na Segundona nacional


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

27/05/2010 | 07:00


Falar em zona de rebaixamento e Série C ainda é muito cedo. Passadas quatro rodadas da Segundona nacional, o Santo André ocupa a 15ª colocação, com quatro pontos, e vem de duas derrotas seguidas (Paraná, por 3 a 0, e Portuguesa, por 4 a 3). Mesmo assim, a equipe que iniciou como uma das favoritas ao acesso após o vice-campeonato paulista, segue em busca de corrigir erros e adquirir entrosamento para enfim decolar na competição.

Diante da Lusa, na última terça-feira, o time demonstrou bom poder ofensivo. Mas a defesa teve comportamento contrário, errando passes na saída de bola, dando botes e fazendo coberturas erradas, facilitando o trabalho do adversário. "O entrosamento está melhorando a cada jogo. Mas a atenção independe disso", comentou o técnico Sérgio Soares.

O treinador, no entanto, lembrou que apesar da evolução no conhecimento entre os jogadores dentro de campo, no duelo de anteontem o fato de a Portuguesa estar a mais tempo jogando junta foi fundamental. "É diferente ter entrosamento. Enquanto a Portuguesa invertia bolas facilmente, nosso time ainda precisava dar uma olhadinha antes de passar", analisou Soares.

Hoje o time se reapresenta e aqueles que jogaram fazem trabalho regenerativo. As atividades já visam a partida de sábado, às 16h10, contra o Guaratinguetá, no Estádio Dario Rodrigues Leite, casa do rival.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Técnico cobra empenho para o Santo André decolar na Segundona nacional

Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

27/05/2010 | 07:00


Falar em zona de rebaixamento e Série C ainda é muito cedo. Passadas quatro rodadas da Segundona nacional, o Santo André ocupa a 15ª colocação, com quatro pontos, e vem de duas derrotas seguidas (Paraná, por 3 a 0, e Portuguesa, por 4 a 3). Mesmo assim, a equipe que iniciou como uma das favoritas ao acesso após o vice-campeonato paulista, segue em busca de corrigir erros e adquirir entrosamento para enfim decolar na competição.

Diante da Lusa, na última terça-feira, o time demonstrou bom poder ofensivo. Mas a defesa teve comportamento contrário, errando passes na saída de bola, dando botes e fazendo coberturas erradas, facilitando o trabalho do adversário. "O entrosamento está melhorando a cada jogo. Mas a atenção independe disso", comentou o técnico Sérgio Soares.

O treinador, no entanto, lembrou que apesar da evolução no conhecimento entre os jogadores dentro de campo, no duelo de anteontem o fato de a Portuguesa estar a mais tempo jogando junta foi fundamental. "É diferente ter entrosamento. Enquanto a Portuguesa invertia bolas facilmente, nosso time ainda precisava dar uma olhadinha antes de passar", analisou Soares.

Hoje o time se reapresenta e aqueles que jogaram fazem trabalho regenerativo. As atividades já visam a partida de sábado, às 16h10, contra o Guaratinguetá, no Estádio Dario Rodrigues Leite, casa do rival.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;