Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 15 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Procurador peruano pede embargo de bens de Montesinos


Do Diário do Grande ABC

12/11/2000 | 18:09


O procurador José Ugaz, que denunciou o ex-chefe de Inteligência do Peru, Vladimiro Montesinos, por enriquecimento ilícito, entre outros delitos, pediu ao juiz Jorge Vargas o embargo de todos os bens do homem que foi o pivô de uma das maiores crises políticas vividas pelo Peru. O embargo vai até o montante de 500 milhoes de soles, equivalentes a US$ 144 milhoes.

Tudo indica que Montesinos, cujo paradeiro se desconhece, tem contas no valor de pelo menos US$ 58 milhoes em bancos da Suíça, Estados Unidos, Ilhas Gra Caima e Uruguai. O procurador também pediu ao juiz que intime o Banco Wiese Sudameris, de Lima, para que dê informaçoes sobre as contas de Montesinos, tanto no Peru quanto em Gra Caima.

Ugaz disse que Montesinos foi denunciado pela Procuradoria-Geral da Naçao pelos crimes de corrupçao de funcionários, narcotráfico, tráfico de armas, lavagem de dinheiro, enriquecimento ilícito, extorsao, concussao, fraude tributária, tráfico de influências e suborno, entre outros delitos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;