Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 23 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Santo André começa a debater política cultural


Mauro Fernando
Do Diário do Grande ABC

18/02/2001 | 19:21


O “espaço de cumplicidade”, a primeira das reuniões informais com produtores culturais que o secretário de Cultura de Santo André, Acylino Bellisomi, anunciou em entrevista ao Diário publicada em 28 de janeiro foi realizada sábado, na Alpharrabio Livraria.

Bellisomi, acompanhado do secretário-ajunto, Alexandre Takara, e da diretora de Cultura, Marta de Betânia Juliano, anunciou a intenção de realizar uma exposição em abril sobre a obra do artista plástico andreense Luiz Sacilotto.

Apoiada em banners, a mostra seria acompanhada de discussões sobre a proposta concretista presente na obra de Sacilotto. “Seria uma homenagem a um dos maiores artistas da cidade”, diz Bellisomi.

Em abril, mês em que Santo André comemora o 448º aniversário de fundação, o Teatro Municipal faz 30 anos. Para celebrar as datas – dias 8 e 13, respectivamente – a Secretaria de Cultura prepara uma agenda de eventos.

A remontagem da peça Nossa Cidade, de Luís Alberto de Abreu, dirigida por Francisco Medeiros, já está confirmada. “Talvez seja necessário reescrever algumas cenas, pois o espetáculo foi concebido para o Teatro Conchita de Moraes”, afirma Abreu. O elenco ainda não está fechado.

Um dos temas abordados na reunião foi a participação da iniciativa privada na vida cultural da cidade. “Há empresas que investem em grandes centros como São Paulo e Rio de Janeiro, mas não onde moram seus operários. É preciso romper com esse círculo vicioso”, conclui Takara.

O encontro contou com cerca de 40 pessoas. As reuniões com esse núcleo de produtores culturais tem periodicidade bimestral, mas a próxima data não foi acertada. Segundo o secretário, outros encontros com outros grupos – Bellisomi não definiu quantos, nem onde – serão realizados.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;