Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 14 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Soneca após almoço faz bem para a memória



12/09/2011 | 00:00


Jovens que dormem à tarde, após o almoço, vêm seu desempenho escolar melhorar em 10%. A conclusão é de um estudo da Universidade de Berkeley, na Califórnia. Os cientistas comprovaram que uma soneca de 15 a 30 minutos após o almoço pode aumentar o aprendizado e a memorização. Segundo os especialistas, o cochilo neste horário é uma necessidade fisiológica devido ao processo de digestão. Nesta hora, o sangue se torna menos ácido, o que dá uma sensação de sonolência. Outro fator que provoca sono após às refeições é a diminuição corporal que ocorre nessa faixa do dia, levando o corpo a entrar no ritmo do sono. Os médicos não aconselham que se durma entre duas ou três horas após o almoço. Segundo eles, a soneca não deve ultrapassar os 30 minutos. Mais do que esse tempo, pode ocorrer insônia. Por Carolina Abranches



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Soneca após almoço faz bem para a memória


12/09/2011 | 00:00


Jovens que dormem à tarde, após o almoço, vêm seu desempenho escolar melhorar em 10%. A conclusão é de um estudo da Universidade de Berkeley, na Califórnia. Os cientistas comprovaram que uma soneca de 15 a 30 minutos após o almoço pode aumentar o aprendizado e a memorização. Segundo os especialistas, o cochilo neste horário é uma necessidade fisiológica devido ao processo de digestão. Nesta hora, o sangue se torna menos ácido, o que dá uma sensação de sonolência. Outro fator que provoca sono após às refeições é a diminuição corporal que ocorre nessa faixa do dia, levando o corpo a entrar no ritmo do sono. Os médicos não aconselham que se durma entre duas ou três horas após o almoço. Segundo eles, a soneca não deve ultrapassar os 30 minutos. Mais do que esse tempo, pode ocorrer insônia. Por Carolina Abranches

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;