Fechar
Publicidade

Domingo, 17 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Presidente sai em defesa de álcool e biodiesel



14/02/2006 | 00:29


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a defender nesta segunda-feira, no programa Café com o Presidente, a disseminação do álcool e do biodiesel brasileiros no mundo. No programa, Lula afirmou que o país é "imbatível" na produção de álcool e pode exportar não só o produto, mas a tecnologia de produção de álcool e biodiesel.

"Temos tecnologia, já estamos exportando e poderemos exportar muito mais. Não apenas exportar o produto acabado, mas poderemos fazer parcerias de empresas brasileiras com usinas de países pobres", disse o presidente. Lula afirmou que o desenvolvimento do biodiesel poderá ser uma forma dos países ricos ajudarem os mais pobres, ajudando-os a desenvolver essa tecnologia e depois comprando o produto.

Essa seria uma das alternativas, disse o presidente, para que os países mais pobres aumentem sua participação no mercado mundial neste século. "Nós precisamos garantir que esses países tenham o reconhecimento dos seus produtos nos países ricos e que esse países tirem os subsídios dos seus produtos para comprar produtos dos países pobres", disse o presidente. "Acho que há um avanço, uma percepção de que este século XXI é o século em que nós precisamos elevar a participação dos países pobres no comércio mundial, no conhecimento científico e tecnológico".

Lula ainda fez um balanço da sua viagem à África, onde passou por Argélia, Benin, Botsuana e África do Sul. "Foi uma vi agem muito proveitosa para o Brasil", afirmou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Presidente sai em defesa de álcool e biodiesel


14/02/2006 | 00:29


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a defender nesta segunda-feira, no programa Café com o Presidente, a disseminação do álcool e do biodiesel brasileiros no mundo. No programa, Lula afirmou que o país é "imbatível" na produção de álcool e pode exportar não só o produto, mas a tecnologia de produção de álcool e biodiesel.

"Temos tecnologia, já estamos exportando e poderemos exportar muito mais. Não apenas exportar o produto acabado, mas poderemos fazer parcerias de empresas brasileiras com usinas de países pobres", disse o presidente. Lula afirmou que o desenvolvimento do biodiesel poderá ser uma forma dos países ricos ajudarem os mais pobres, ajudando-os a desenvolver essa tecnologia e depois comprando o produto.

Essa seria uma das alternativas, disse o presidente, para que os países mais pobres aumentem sua participação no mercado mundial neste século. "Nós precisamos garantir que esses países tenham o reconhecimento dos seus produtos nos países ricos e que esse países tirem os subsídios dos seus produtos para comprar produtos dos países pobres", disse o presidente. "Acho que há um avanço, uma percepção de que este século XXI é o século em que nós precisamos elevar a participação dos países pobres no comércio mundial, no conhecimento científico e tecnológico".

Lula ainda fez um balanço da sua viagem à África, onde passou por Argélia, Benin, Botsuana e África do Sul. "Foi uma vi agem muito proveitosa para o Brasil", afirmou.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;