Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 9 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Policial à paisana é morto em SP


Do Diário OnLine

27/05/2001 | 16:17


O soldado José Carlos Duque Pinto, 46 anos, foi morto na noite deste sábado com um tiro na cabeça durante tentativa de assalto na Vila Brasilina, zona Sul de São Paulo. Ele desceu de um Santana estacionado em frente à sua casa quando foi abordado por dois bandidos, um deles armados com um revólver calibre 38.

De acordo com Edvaldo de Oliveira, que estava com a vítima no momento do crime, Duque foi reconhecido por um dos bandidos como policial, mesmo estando à paisana. Por esse motivo, um dos bandidos atirou e os dois saíram sem levar nada. Edvaldo acredita que eles planejavam apenas um assalto, pois haviam pedido dinheiro antes do assassinato.

O policia, casado e com filhos, morreu a caminho do Pronto-socorro do Sesi.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Policial à paisana é morto em SP

Do Diário OnLine

27/05/2001 | 16:17


O soldado José Carlos Duque Pinto, 46 anos, foi morto na noite deste sábado com um tiro na cabeça durante tentativa de assalto na Vila Brasilina, zona Sul de São Paulo. Ele desceu de um Santana estacionado em frente à sua casa quando foi abordado por dois bandidos, um deles armados com um revólver calibre 38.

De acordo com Edvaldo de Oliveira, que estava com a vítima no momento do crime, Duque foi reconhecido por um dos bandidos como policial, mesmo estando à paisana. Por esse motivo, um dos bandidos atirou e os dois saíram sem levar nada. Edvaldo acredita que eles planejavam apenas um assalto, pois haviam pedido dinheiro antes do assassinato.

O policia, casado e com filhos, morreu a caminho do Pronto-socorro do Sesi.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;