Fechar
Publicidade

Domingo, 23 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Sarney Filho entrega carta de demissão a FHC


Do Diário OnLine

05/03/2002 | 00:21


O ministro do Meio Ambiente, José Sarney Filho, entregou sua carta de demissão, em caráter irrevogável, ao presidente Fernando Henrique Cardoso em reunião relâmpago na tarde desta segunda-feira. O secretário-executivo do ministério, José Carlos Carvalho, ocupará a pasta.

Sarney Filho não foi visto ao deixar o Palácio do Planalto. Durante a manhã, quando confirmou que deixaria o cargo, ele não comentou sua saída, mas após insistência da imprensa, afirmou que o motivo da saída era a ação de busca e apreensão da Polícia Federal no seu escritório de seu cunhado, Jorge Murad, irmão da governadora do Maranhão e candidata à sucessão presidencial, Roseana Sarney.

Ele evitou, no entanto, fazer críticas diretas ao presidente Fernando Henrique Cardoso. "Minha saída é auto-explicativa", afirmou. Na carta, Sarney Filho não pede desculpas FHC, mas faz um balanço da sua gestão. Afirmou que o Brasil atingiu o 20º lugar no "ranking verde" mundial, tornou a aplicação das penas para meio ambiente mais rigorosa, criou a Agência Nacional das Águas e reestruturou o Ibama.

O presidente lamentou a saída de Sarney Filho e tentou evitar a demissão. A resposta do ministro foi a de que deixava o cargo "por pressões familiares". FHC ainda fez questão de reassaltar que Sarney Filho entregou sua carta de demissão há cerca de dez dias. Já era certa a sua saída do governo em abril para concorrer nas eleições de outubro.

Sarney Filho reassume o cargo de deputado assim que a sua saída for publicada no Diário Oficial da União, o que deve acontecer nesta terça. A nomeação de José Carlos Carvalho como novo ministro do Meio Ambiente foi decidida entre Fernando Henrique e Sarney Filho.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sarney Filho entrega carta de demissão a FHC

Do Diário OnLine

05/03/2002 | 00:21


O ministro do Meio Ambiente, José Sarney Filho, entregou sua carta de demissão, em caráter irrevogável, ao presidente Fernando Henrique Cardoso em reunião relâmpago na tarde desta segunda-feira. O secretário-executivo do ministério, José Carlos Carvalho, ocupará a pasta.

Sarney Filho não foi visto ao deixar o Palácio do Planalto. Durante a manhã, quando confirmou que deixaria o cargo, ele não comentou sua saída, mas após insistência da imprensa, afirmou que o motivo da saída era a ação de busca e apreensão da Polícia Federal no seu escritório de seu cunhado, Jorge Murad, irmão da governadora do Maranhão e candidata à sucessão presidencial, Roseana Sarney.

Ele evitou, no entanto, fazer críticas diretas ao presidente Fernando Henrique Cardoso. "Minha saída é auto-explicativa", afirmou. Na carta, Sarney Filho não pede desculpas FHC, mas faz um balanço da sua gestão. Afirmou que o Brasil atingiu o 20º lugar no "ranking verde" mundial, tornou a aplicação das penas para meio ambiente mais rigorosa, criou a Agência Nacional das Águas e reestruturou o Ibama.

O presidente lamentou a saída de Sarney Filho e tentou evitar a demissão. A resposta do ministro foi a de que deixava o cargo "por pressões familiares". FHC ainda fez questão de reassaltar que Sarney Filho entregou sua carta de demissão há cerca de dez dias. Já era certa a sua saída do governo em abril para concorrer nas eleições de outubro.

Sarney Filho reassume o cargo de deputado assim que a sua saída for publicada no Diário Oficial da União, o que deve acontecer nesta terça. A nomeação de José Carlos Carvalho como novo ministro do Meio Ambiente foi decidida entre Fernando Henrique e Sarney Filho.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;