Fechar
Publicidade

Sábado, 8 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Estudantes apresentam
baixo desempenho no Enem



13/09/2011 | 07:15


A maioria dos estudantes de ensino médio ainda apresenta desempenho abaixo da média nacional na prova objetiva, apesar de a nota da edição 2010 do Enem tenha sofrido um ligeiro aumento - de 9,63 pontos.

Segundo o Ministério da Educação (MEC), 52,98% dos concluintes do ensino médio regular ficaram abaixo da média em 2010 (511,21). Já em 2009, a porcentagem foi de 55,45% - naquele ano, a média foi de 501,58.

É a primeira vez que a Teoria de Resposta ao Item (TRI), que calibra o grau de dificuldade de avaliações distintas, permite a comparação de dois Enems consecutivos. Já no cenário diametralmente oposto, o índice de estudantes que obteve desempenho igual ou acima da médio na prova objetiva do Enem variou de 44,55% para 47,02% entre 2009 e 2010.

No mesmo período, o número de alunos concluintes do ensino médio que se inscreveram e fizeram a prova aumentou de 824.027 (45,8% do total de concluintes) para 1.011.952 (56,4%), entre 2009 e 2010. Para o ministro da Educação, Fernando Haddad, o aumento da nota média da prova foi acompanhado de uma maior participação de estudantes.

Os números do último Enem foram discutidos ontem durante reunião da coordenação política do governo, no Palácio do Planalto, que contou com a participação do ministro. Segundo Haddad, a presidente Dilma Rousseff "compreendeu o significado" de um aumento de 9,63 pontos na média.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Estudantes apresentam
baixo desempenho no Enem


13/09/2011 | 07:15


A maioria dos estudantes de ensino médio ainda apresenta desempenho abaixo da média nacional na prova objetiva, apesar de a nota da edição 2010 do Enem tenha sofrido um ligeiro aumento - de 9,63 pontos.

Segundo o Ministério da Educação (MEC), 52,98% dos concluintes do ensino médio regular ficaram abaixo da média em 2010 (511,21). Já em 2009, a porcentagem foi de 55,45% - naquele ano, a média foi de 501,58.

É a primeira vez que a Teoria de Resposta ao Item (TRI), que calibra o grau de dificuldade de avaliações distintas, permite a comparação de dois Enems consecutivos. Já no cenário diametralmente oposto, o índice de estudantes que obteve desempenho igual ou acima da médio na prova objetiva do Enem variou de 44,55% para 47,02% entre 2009 e 2010.

No mesmo período, o número de alunos concluintes do ensino médio que se inscreveram e fizeram a prova aumentou de 824.027 (45,8% do total de concluintes) para 1.011.952 (56,4%), entre 2009 e 2010. Para o ministro da Educação, Fernando Haddad, o aumento da nota média da prova foi acompanhado de uma maior participação de estudantes.

Os números do último Enem foram discutidos ontem durante reunião da coordenação política do governo, no Palácio do Planalto, que contou com a participação do ministro. Segundo Haddad, a presidente Dilma Rousseff "compreendeu o significado" de um aumento de 9,63 pontos na média.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;