Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 13 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

PM, guarda e professor têm pró-labore em S.Caetano


Eduardo Merli
Do Diário do Grande ABC

31/05/2004 | 23:13


A Polícia Militar, Guarda Municipal e uma parcela dos professores de São Caetano voltam a receber o pró-labore, retroativo a 1º de maio. O benefício tem validade até 31 de dezembro. O projeto do prefeito Luiz Olinto Tortorello (PTB) foi aprovado por unanimidade, em sessão extraordinária da Câmara, na semana passada.

O pró-labore será de R$ 200 para cada policial militar (4ªCia. do 6º BPM/M) e de R$ 100 para os integrantes da Guarda Municipal – nas duas categorias, é preciso ter mais de um ano de serviço. O benefício será cortado se o policial estiver de licença (exceto por saúde) ou respondendo a procedimento administrativo que impeça suas atividades.

Para os educadores, o pró-labore será de 20% do valor da hora-aula. Receberão o benefício, entretanto, apenas os diretores de escola, vice-diretores, assistentes de direção, professores-coordenadores, professores de educação básica 1 e 2 ou nível 1 e 2, os readaptados da rede estadual de ensino fundamental que trabalham exclusivamente na rede municipal e professores de Educação Física que atuem no projeto Qualidade da Educação (aulas aos fins de semana).

Durante a votação do projeto, a bancada do PT apresentou 13 emendas, mas todas foram rejeitadas. Os vereadores petistas queriam que o pró-labore dos professores chegasse a 50% da hora-aula e fosse extensivo aos educadores do ensino médio, além dos funcionários das escolas. A bancada pediu que o benefício para policiais e professores fosse retroativo a 1º de fevereiro e não apenas a 1º de maio, além de pleitear a extensão do pró-labore aos bombeiros.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

PM, guarda e professor têm pró-labore em S.Caetano

Eduardo Merli
Do Diário do Grande ABC

31/05/2004 | 23:13


A Polícia Militar, Guarda Municipal e uma parcela dos professores de São Caetano voltam a receber o pró-labore, retroativo a 1º de maio. O benefício tem validade até 31 de dezembro. O projeto do prefeito Luiz Olinto Tortorello (PTB) foi aprovado por unanimidade, em sessão extraordinária da Câmara, na semana passada.

O pró-labore será de R$ 200 para cada policial militar (4ªCia. do 6º BPM/M) e de R$ 100 para os integrantes da Guarda Municipal – nas duas categorias, é preciso ter mais de um ano de serviço. O benefício será cortado se o policial estiver de licença (exceto por saúde) ou respondendo a procedimento administrativo que impeça suas atividades.

Para os educadores, o pró-labore será de 20% do valor da hora-aula. Receberão o benefício, entretanto, apenas os diretores de escola, vice-diretores, assistentes de direção, professores-coordenadores, professores de educação básica 1 e 2 ou nível 1 e 2, os readaptados da rede estadual de ensino fundamental que trabalham exclusivamente na rede municipal e professores de Educação Física que atuem no projeto Qualidade da Educação (aulas aos fins de semana).

Durante a votação do projeto, a bancada do PT apresentou 13 emendas, mas todas foram rejeitadas. Os vereadores petistas queriam que o pró-labore dos professores chegasse a 50% da hora-aula e fosse extensivo aos educadores do ensino médio, além dos funcionários das escolas. A bancada pediu que o benefício para policiais e professores fosse retroativo a 1º de fevereiro e não apenas a 1º de maio, além de pleitear a extensão do pró-labore aos bombeiros.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;