Fechar
Publicidade

Domingo, 29 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Grande ABC recebe nove médicos cubanos neste mês


Yara Ferraz
do Diário do Grande ABC

08/10/2016 | 07:07


A região recebeu nove médicos cubanos nesta semana, integrantes do Programa Mais Médicos do governo federal. Santo André ganhou quatro profissionais e São Bernardo, cinco, todos destinados a vagas de reposição. No total, são 155 especialistas nas seis cidades participantes (30 em Santo André, 39 em São Bernardo, 11 em Diadema, 47 em Mauá, 18 em Ribeirão Pires e dez em Rio Grande da Serra), o que supre 100% da demanda solicitada. São Caetano não aderiu.

Em Santo André, o grupo de quatro cubanos, que chegou no início do mês, deve começar a atuar na rede do município nas próximas semanas, após um período de adaptação. A médica Columbia Teresa Justiniani Fresneda, 51 anos, está ansiosa para o início dos atendimentos. “Estamos contentes por desempenhar a nossa função. Já tivemos o primeiro contato com a população, que se mostrou disposta a cooperar. Tenho certeza que essa barreira do idioma não será um problema, se todos tiverem paciência”, afirmou.

Mãe de um filho de 22 anos e casada, Columbia diz que a solução para a saudade da família é a internet. Se depender dela, o período longe de casa deve se estender por três anos, período em que pretender ficar em Santo André. “O povo daqui é muito solidário. Vou me empenhar, principalmente na área da medicina preventiva, o que acabou me motivando muito. Também quero conhecer o País, que tem uma Cultura muita rica”, disse.

São Bernardo registrou o desligamento de seis médicos, sendo que cinco profissionais de Cuba foram repostos no dia 5. “O município aguarda mais um profissional para completar as 39 vagas”, disse a Prefeitura em nota. Após duas semanas de capacitação, eles iniciarão o atendimento médico nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) Nazareth, Vila Marchi, Represa, Finco e Batistini.

Em Mauá, um dos profissionais morreu no início do ano, tendo sido substituído recentemente. Três profissionais chegaram em setembro. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;