Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 17 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Ministério Público volta a investigar caso Marka


Do Diário OnLine

21/05/2001 | 00:49


O Ministério Público Federal e a Polícia Federal voltaram a investigar o caso Marka. O ministro da Justiça, José Gregori, pediu que a Polícia Federal investigue uma conta bancária do Banco Pactual no Bank of New York que seria usada junto ao esquema de venda de informações sigilosas, montado pelo ex-presidente do Banco Central Francisco Lopes. A conta foi apontada, em reportagem publicada pela revista Veja, como o instrumento usado para a realização de pagamento por informações privilegiadas supostamente vazadas por Chico Lopes durante sua gestão no BC.

As investigações sobre o caso também serão retomadas em Brasília. O procurador da República no Distrito Federal Guilherme Schelb decidiu retomar as investigações na área civil sobre o socorro aos Bancos Marka.

O procurador fluminense Arthur Gueiros, um dos procuradores responsáveis pelo caso Marka, disse que os fatos "são graves" e merecem uma investigação detalhada.

Os procuradores garantem, entretanto, que esse novo inquérito não atrasará os processos já em andamento, nos quais os envolvidos respondem por crime de peculato, gestão fraudulenta e temerária, corrupção ativa e passiva.

O atual presidente do BC, Armínio Fraga, depõe na próxima segunda-feira como testemunha de defesa de Lopes no processo que apura denúncias de corrupção e peculato, em andamento na 6ª Vara Federal Criminal.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ministério Público volta a investigar caso Marka

Do Diário OnLine

21/05/2001 | 00:49


O Ministério Público Federal e a Polícia Federal voltaram a investigar o caso Marka. O ministro da Justiça, José Gregori, pediu que a Polícia Federal investigue uma conta bancária do Banco Pactual no Bank of New York que seria usada junto ao esquema de venda de informações sigilosas, montado pelo ex-presidente do Banco Central Francisco Lopes. A conta foi apontada, em reportagem publicada pela revista Veja, como o instrumento usado para a realização de pagamento por informações privilegiadas supostamente vazadas por Chico Lopes durante sua gestão no BC.

As investigações sobre o caso também serão retomadas em Brasília. O procurador da República no Distrito Federal Guilherme Schelb decidiu retomar as investigações na área civil sobre o socorro aos Bancos Marka.

O procurador fluminense Arthur Gueiros, um dos procuradores responsáveis pelo caso Marka, disse que os fatos "são graves" e merecem uma investigação detalhada.

Os procuradores garantem, entretanto, que esse novo inquérito não atrasará os processos já em andamento, nos quais os envolvidos respondem por crime de peculato, gestão fraudulenta e temerária, corrupção ativa e passiva.

O atual presidente do BC, Armínio Fraga, depõe na próxima segunda-feira como testemunha de defesa de Lopes no processo que apura denúncias de corrupção e peculato, em andamento na 6ª Vara Federal Criminal.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;