Fechar
Publicidade

Domingo, 8 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

'Nível de radioatividade é significativo', diz premiê



15/03/2011 | 01:07


O primeiro-ministro do Japão, Naoto Kan, disse que os níveis de radioatividade tornaram-se "significativamente" mais altos nas proximidades da usina nuclear de Fukushima 1, que foi atingida pelo terremoto de 9 graus na escala Richter, seguido de tsunami, na sexta-feira. Com o abalo, houve quatro explosões nos edifícios onde estão os reatores, e houve a liberação de material radioativo.

Com a propagação pelo vento, "níveis mínimos" de radiação foram detectados em Tóquio, informou a Agência Kyodo. Foram detectadas partículas de iodo e césio na atmosfera da capital, mas ainda não está claro se isso está relacionado com as explosões ocorridas no nordeste do país. A Agência disse que os níveis de radiação em Saitama, próximo a Tóquio, estava 40 vezes acima dos níveis normais. Hoje, o reator 4, da usina Fukushima 1 pegou fogo, mas foi rapidamente debelado. As informações são da Associated Press.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

'Nível de radioatividade é significativo', diz premiê


15/03/2011 | 01:07


O primeiro-ministro do Japão, Naoto Kan, disse que os níveis de radioatividade tornaram-se "significativamente" mais altos nas proximidades da usina nuclear de Fukushima 1, que foi atingida pelo terremoto de 9 graus na escala Richter, seguido de tsunami, na sexta-feira. Com o abalo, houve quatro explosões nos edifícios onde estão os reatores, e houve a liberação de material radioativo.

Com a propagação pelo vento, "níveis mínimos" de radiação foram detectados em Tóquio, informou a Agência Kyodo. Foram detectadas partículas de iodo e césio na atmosfera da capital, mas ainda não está claro se isso está relacionado com as explosões ocorridas no nordeste do país. A Agência disse que os níveis de radiação em Saitama, próximo a Tóquio, estava 40 vezes acima dos níveis normais. Hoje, o reator 4, da usina Fukushima 1 pegou fogo, mas foi rapidamente debelado. As informações são da Associated Press.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;