Fechar
Publicidade

Domingo, 19 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Oposição obtém maioria na Assembleia Nacional da Venezuela



07/12/2015 | 03:59


A oposição venezuelana obteve, por larga margem, o controle da Assembleia Nacional nas eleições legislativas deste domingo, em uma grande derrota do partido socialista que comanda o país há 17 anos.

Os opositores conquistaram pelo menos 99 das 167 cadeiras do parlamento, segundo anunciou a presidente do Conselho Eleitoral Nacional, Tibisay Lucena. Os socialistas ficaram com 46 assentos, enquanto os demais permaneciam em apuração.

Após o anúncio, que ocorreu logo depois da meia-noite no horário local, as ruas de Caracas foram tomadas por opositores do presidente Nicolás Maduro, que comemoraram com gritos e fogos de artifício. Ainda antes da declaração oficial, líderes da oposição já afirmavam ter vencido o pleito.

Maduro reconheceu a vitória da oposição logo após o anúncio, dizendo que a democracia e a Constituição venezuelana triunfaram, apesar da derrota de seu grupo político. O presidente culpou a tentativa de desestabilização da revolução socialista por parte de seus adversários pelo revés, que considerou "circunstancial".

"Posso dizer hoje que a guerra econômica venceu", disse Maduro em pronunciamento pela televisão a partir do palácio presidencial.

O ex-candidato à presidência pela oposição Henrique Capriles afirmou, pelo Twitter, que "com grande humildade, serenidade e maturidade aceitamos o que o povo decidiu". Fonte: Associated Press



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Oposição obtém maioria na Assembleia Nacional da Venezuela


07/12/2015 | 03:59


A oposição venezuelana obteve, por larga margem, o controle da Assembleia Nacional nas eleições legislativas deste domingo, em uma grande derrota do partido socialista que comanda o país há 17 anos.

Os opositores conquistaram pelo menos 99 das 167 cadeiras do parlamento, segundo anunciou a presidente do Conselho Eleitoral Nacional, Tibisay Lucena. Os socialistas ficaram com 46 assentos, enquanto os demais permaneciam em apuração.

Após o anúncio, que ocorreu logo depois da meia-noite no horário local, as ruas de Caracas foram tomadas por opositores do presidente Nicolás Maduro, que comemoraram com gritos e fogos de artifício. Ainda antes da declaração oficial, líderes da oposição já afirmavam ter vencido o pleito.

Maduro reconheceu a vitória da oposição logo após o anúncio, dizendo que a democracia e a Constituição venezuelana triunfaram, apesar da derrota de seu grupo político. O presidente culpou a tentativa de desestabilização da revolução socialista por parte de seus adversários pelo revés, que considerou "circunstancial".

"Posso dizer hoje que a guerra econômica venceu", disse Maduro em pronunciamento pela televisão a partir do palácio presidencial.

O ex-candidato à presidência pela oposição Henrique Capriles afirmou, pelo Twitter, que "com grande humildade, serenidade e maturidade aceitamos o que o povo decidiu". Fonte: Associated Press

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;