Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 5 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Ruas de Sto.André são palco do encerramento do Circuito

Celso Luiz/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Etapa andreense fecha calendário 2015, reúne
mais de 3.000 participantes e define campeões


Márcio Donizete
Especial para o Diário

07/12/2015 | 07:00


Se a intenção do 3º Circuito Popular de Corrida de Rua do Grande ABC era proporcionar confraternização entre famílias e atletas, o objetivo foi mais uma vez alcançado ontem pela manhã, pelas principais ruas de Santo André. E não foi só isso. A prova ainda definiu os campeões gerais nas categorias feminina e masculina, casos de Maria Cristina Richter – que faturou o bicampeonato – e José Paulo dos Santos, respectivamente.

As vias andreenses foram totalmente preenchidas por mais de 3.000 pessoas, que buscaram alcançar e superar limites. Um verdadeiro sucesso consolidado pela organização, que destacou mais uma temporada de conquistas.

Segundo o diretor de Redação do Diário, Sérgio Vieira, o tour esportivo pela região já faz parte da história do esporte do Estado. “É a terceira edição do Circuito, ou 21 provas que já proporcionamos ao Grande ABC. Já está na história. Faz parte do calendário estadual esportivo, então demonstra a importância desse evento”, declarou.

Vieira também ressaltou que o público comprou a ideia e cada vez mais se engaja nas disputas urbanas. “(Foram) Sete provas este ano, cada uma atraindo mais gente pelas ruas do Grande ABC, em todas as cidades. O fenômeno foi esse mesmo. Famílias, pessoas reunidas vieram correr, se divertir. Essa era a proposta do Circuito: poder trazer as famílias para as ruas da região e mais uma vez deu certo nas sete cidades”, complementou.

Autoridades andreenses compareceram ao evento, como o prefeito Carlos Grana (PT) e a secretária municipal de Esporte e Lazer, a ex-jogadora da Seleção Brasileira de Basquete, Marta Sobral, responsáveis para soar a buzina no momento da largada, que aconteceu pontualmente às 8h. Sobrou disposição aos dois, que esperaram até o último atleta passar pela linha de partida, na Avenida Industrial, em frente à fachada principal do Grand Plaza Shopping, no Centro.

“Já virou uma tradição aqui na região. É um orgulho poder encerrar o Circuito aqui”, celebrou Grana. “Alguns prefeitos não gostam muito do que vou falar, mas digo que Santo André é a capital do Grande ABC, tinha de terminar aqui. Não tem como parar mais, realmente (o Circuito) veio para ficar. É saúde, é alegria, é lazer, é esporte. Temos de sempre apoiar”, emendou o chefe do Paço.

“É legal porque a etapa do Circuito fecha o ano de 2015 para todo mundo. Tinha muita gente, então tenho de incentivar até o último passar”, declarou Marta Sobral.

O Circuito Popular de Corrida de Rua do Grande ABC faz parte do calendário de eventos do Estado de São Paulo, tem promoção do Diário e apoios do governo estadual, por meio da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude, da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), do Grand Plaza Shopping, do Subway e da academia Smart Fit.

José Paulo fatura título masculino
Segunda colocação em Santo André foi suficiente para atleta de 37 anos conquistar a temporada 2015 do Circuito

O título masculino do 3º Circuito Popular de Corrida de Rua do Grande ABC tem dono. José Paulo dos Santos, da equipe Casa de Ferragens, conquistou o troféu da temporada 2015 ao cruzar na segunda posição a etapa de Santo André, disputada ontem, e alcançar 1.452 pontos na classificação.

O tempo de 33min15 foi o suficiente para que ele somasse os pontos necessários para ultrapassar Marcos Adriano de Carvalho, da SBC Trans, que se lesionou, não completou a prova e manteve os 1.233 pontos. No momento em que ultrapassou a linha de chegada, não escondeu a felicidade e segurou com as duas mãos a faixa que recebe os competidores, erguendo-a como um troféu simbólico.

“Para mim é uma grande felicidade. Quando comecei a correr o Circuito Popular, nem chegava perto das vitórias. Mas com muita dedicação, muito treino, fui vice-campeão no ano passado (geral) e vice-campeão na minha faixa etária (36 a 40 anos). Agora, em 2015 ser campeão do Circuito é uma grande alegria, estou muito feliz”, celebrou o vencedor, que dedicou o título para seus familiares e apoiadores.

Ele admitiu que correu apenas para administrar a vantagem para o principal concorrente ao título, Marcos Adriano. “Corri no mesmo ritmo de Mauá (quando terminou em quarto lugar). Mas para garantir o título, permaneci ali entre os cinco primeiros para manter vantagem para meu adversário”, explicou José Paulo. “Administrei no começo da prova e deixei um gás para administrar o título do Circuito no fim da prova”, complementou o competidor de 37 anos.

Sobre o trajeto, comentou que Santo André possui um dos melhores da temporada do Circuito Popular. “Achei muito bom, um dos melhores. São os de Mauá e aqui em Santo André (locais com os melhores trajetos). Gostei do percurso pelo tempo que fiz, que considerei muito bom.”

Quem chegou na frente na prova em Santo André foi Eder Domingues de Oliveira, da Sesp SBC, que cravou 33min02. Em terceiro ficou Natalino Alves de Almeida, da equipe Balbino, em 33min23. No quarto posto terminou Alex Cavalcanti Mendonça, da Sesp SBC (34min00), enquanto Adriano Azevedo da Silva, da Number One (34min54), fechou na quinta posição.

Maria Cristina se supera e leva o bi
Exausta após terceiro lugar em território andreense, competidora desaba e se emociona com seu desempenho

Ninguém é mais regular do que Maria Cristina Richter, da equipe Vianova Uno Card, bicampeã feminina do Circuito Popular de Corrida de Rua do Grande ABC. Ontem, na etapa de Santo André, a terceira posição (42min34) foi suficiente para garantir o título à atleta, que desabou depois de cruzar a linha de chegada.

Fortemente desgastada pela intensidade da prova, ela caiu no chão, com cãibras nas pernas, e preocupou o público presente, mas foi rapidamente atendida pela equipe médica e se recuperou a tempo de estar presente no pódio. Ao Diário, ela garantiu que está bem e que o susto foi resultado de muito esforço, o qual a competidora ilustrou como a “imagem do título”.

“Foi muita emoção naquele momento. Você segura tudo ali. Após dez quilômetros, (foi preciso) segurar o coração e manter um ritmo forte, porque sabia que viria muita gente forte atrás. Disputava com a Sandra (Maria de Oliveira, que liderava a classificação até antes da corrida andreense) e precisava ganhar dela”, declarou a campeã.

O páreo foi duro. Maria Cristina tinha 1.252 pontos e estava em segundo lugar na tabela antes da largada. Como somou mais 207 pelo terceiro lugar, foi a 1.459 e garantiu o bi, enquanto Sandra Maria de Oliveira (Givaldo Triunfo Assessoria), que obtinha 1.254 pontos e era a primeira, alcançou 1.453 com os 199 somados pelo sétimo posto.

“Era uma tensão muito grande e quando vi aquela linha de chegada e eu cheguei, meu corpo fez ‘ufa, chega, chega’. Dez quilômetros é uma corrida muito difícil para mim, mas (participo) acreditando muito, sem desistir em nenhum momento. No nono quilômetro consegui dar uma relaxada. E quando vi a faixa, disse: ‘essa é minha’. Aí a emoção foi muito grande”, relatou a emocionada corredora, 43 anos.

Em Santo André, Nilva Pereira da Silva Nunes, da Balbino, chegou com folga na frente (39min08). Em segundo ficou Roberta Marajoara, também da Balbino, quase dois minutos atrás da ganhadora (41min04). Lucemar Maria da Silva Poassar, do CA Aramaçan, foi a quarta na prova (42min57) e terceira no geral, enquanto Joseane Maria da Silva, da Sesp SBC, fechou o pódio (43min33). 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;