Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 20 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Comerciantes protestam contra violência no ABC


Maria Teresa Orlandi
Do Diário OnLine

31/08/2002 | 13:06


Supermercadistas do Grande ABC promovem neste domingo um protesto contra a violência na região. O principal objetivo do setor é manifestar sua indignação em relação à morte do comerciante Jackson Wataru Kowati, 25 anos, torturado e morto por seqüestradores em São Bernardo no início do mês, mesmo depois de a família ter pago o resgate.

Os manifestantes partirão da Craisa, na rua Varsóvia, em Santo André, às 14h30, e seguirão, com uma carreata de caminhões, até os Paços Municipais de Santo André e de São Bernardo.

Segundo o supermercadista Gilberto Wachtler, um dos organizadores do evento, está confirmada a participação de 200 caminhões no ato, e a expectativa é de que o número chegue a 250. Mais de 500 manifestantes são esperados. Foram confeccionadas 250 faixas, algumas delas com os dizeres: “Visite o Grande ABC e ganhe um cativeiro”; “Quem será o próximo? Você? Seu filho?”; “Direitos Humanos para Humanos Direitos”.

“Queremos mostrar nossa indignação e lembrar um mês da morte do Jackson. Vamos pedir mais policiamento, porque nos sentimos abandonados pelas autoridades. Vários comerciantes estão deixando a região com medo da violência”, disse Wachtler, dono do Supermercado Primavera, de Santo André. De acordo com ele, o ato está aberto a toda população, mas não permitirá manifestações de caráter político.

Mais informações sobre o movimento podem ser obtidas no site www.mrc.org.br ou pelo telefone 4401 1000.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Comerciantes protestam contra violência no ABC

Maria Teresa Orlandi
Do Diário OnLine

31/08/2002 | 13:06


Supermercadistas do Grande ABC promovem neste domingo um protesto contra a violência na região. O principal objetivo do setor é manifestar sua indignação em relação à morte do comerciante Jackson Wataru Kowati, 25 anos, torturado e morto por seqüestradores em São Bernardo no início do mês, mesmo depois de a família ter pago o resgate.

Os manifestantes partirão da Craisa, na rua Varsóvia, em Santo André, às 14h30, e seguirão, com uma carreata de caminhões, até os Paços Municipais de Santo André e de São Bernardo.

Segundo o supermercadista Gilberto Wachtler, um dos organizadores do evento, está confirmada a participação de 200 caminhões no ato, e a expectativa é de que o número chegue a 250. Mais de 500 manifestantes são esperados. Foram confeccionadas 250 faixas, algumas delas com os dizeres: “Visite o Grande ABC e ganhe um cativeiro”; “Quem será o próximo? Você? Seu filho?”; “Direitos Humanos para Humanos Direitos”.

“Queremos mostrar nossa indignação e lembrar um mês da morte do Jackson. Vamos pedir mais policiamento, porque nos sentimos abandonados pelas autoridades. Vários comerciantes estão deixando a região com medo da violência”, disse Wachtler, dono do Supermercado Primavera, de Santo André. De acordo com ele, o ato está aberto a toda população, mas não permitirá manifestações de caráter político.

Mais informações sobre o movimento podem ser obtidas no site www.mrc.org.br ou pelo telefone 4401 1000.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;