Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

IPI da linha branca impulsiona setor



06/11/2009 | 07:00


A atividade varejista de outubro deste ano teve crescimento de 7,1% em relação ao mesmo período de 2008, o maior índice de aumento anual desde dezembro, quando a alta foi de 7,5%, segundo o Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio. De acordo com a entidade, a proximidade do fim do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) reduzido para a linha branca - prorrogado até 31 de janeiro para produtos de baixo consumo energético - estimulou o setor varejista em outubro. Em comparação com setembro, houve crescimento de 1,3%, com dados já ajustados sazonalmente.

O segmento de móveis, eletroeletrônicos e informática avançou 1,1% no mês passado ante setembro. Na mesma comparação, o setor de veículos, motos e peças teve queda de 0,9%, porém registrou aumento de 20,4% em relação a outubro de 2008. Na mesma comparação, móveis, eletroeletrônicos e informática registraram alta de 12,2% e tecidos, vestuário, calçados e acessórios apontaram elevação de 10,6%. O segmento de material de construção apresentou queda de 18,2% ante outubro do ano passado.

O mês passado ainda registrou índices positivos nos supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas e no segmento de tecidos, vestuário, calçados e acessórios. Na ponta negativa estão: material de construção, combustíveis e lubrificantes e veículos, motos e peças que, com a volta gradual do IPI, registrou queda de 0,9% no mês após alta de 8,3% em setembro.

No acumulado do ano, houve alta de 4,7%, liderada pelo ramo de móveis, eletroeletrônicos e informática seguido por veículos, motos e peças; tecidos, vestuário, calçados e acessórios. Combustíveis e lubrificantes e material de construção tiveram baixa.

Rede britânica vai fechar 373 lojas; 1.738 serão demitidos

A First Quench, proprietária de redes de lojas de bebidas, vai fechar 373 estabelecimentos, resultando em 1.738 demissões. A decisão foi tomada após colapso da empresa, que passou a ser administrada pela KPMG na semana passada.

A First Quench tem 1.202 lojas no Reino Unido. "As lojas restantes continuarão abertas como de costume, enquanto procuramos comprador", afirmou Richard Fleming, diretor para reestruturação da KPMG. Até o dia 25, 247 das 373 lojas que serão fechadas continuarão abertas e os estoques serão vendidos com desconto.

A Hilco and Endless está entre as empresas de private equity que mostraram interesse em comprar as lojas. A First Quench emprega 6.283 pessoas e sentiu os efeitos do mercado mais concorrido, especialmente por causa de redes de supermercado.

Emissão de cheques sem fundos cresce 1,48% em outubro

O volume de cheques sem fundos emitidos em outubro teve alta de 1,48% frente a setembro, primeiro crescimento depois de três meses consecutivos de queda. É o que aponta levantamento da Equifax. Foram devolvidos 1,97 milhão de cheques em outubro, contra 1,94 milhão em setembro. Na comparação anual, o resultado caminhou em trajetória contrária: forte retração de 17,26% ante outubro de 2008, mês de agravamento da crise financeira.

Os economistas da Equifax amenizam a ligeira alta sob o argumento de que ela não pode ser considerada tendência, mas pequeno repique em função do aumento do movimento no comércio. "A variação de 1,48% em relação a setembro é estatisticamente mínima."

Os analistas ressaltam ainda que a curva de tendência da emissão de cheques sem fundos é declinante, indicando a recuperação da atividade econômica. E preveem tendência de queda nos próximos meses.

O balanço também registrou o volume de títulos protestados em outubro, que apresentou baixa de 2,11% em relação a setembro.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

IPI da linha branca impulsiona setor


06/11/2009 | 07:00


A atividade varejista de outubro deste ano teve crescimento de 7,1% em relação ao mesmo período de 2008, o maior índice de aumento anual desde dezembro, quando a alta foi de 7,5%, segundo o Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio. De acordo com a entidade, a proximidade do fim do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) reduzido para a linha branca - prorrogado até 31 de janeiro para produtos de baixo consumo energético - estimulou o setor varejista em outubro. Em comparação com setembro, houve crescimento de 1,3%, com dados já ajustados sazonalmente.

O segmento de móveis, eletroeletrônicos e informática avançou 1,1% no mês passado ante setembro. Na mesma comparação, o setor de veículos, motos e peças teve queda de 0,9%, porém registrou aumento de 20,4% em relação a outubro de 2008. Na mesma comparação, móveis, eletroeletrônicos e informática registraram alta de 12,2% e tecidos, vestuário, calçados e acessórios apontaram elevação de 10,6%. O segmento de material de construção apresentou queda de 18,2% ante outubro do ano passado.

O mês passado ainda registrou índices positivos nos supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas e no segmento de tecidos, vestuário, calçados e acessórios. Na ponta negativa estão: material de construção, combustíveis e lubrificantes e veículos, motos e peças que, com a volta gradual do IPI, registrou queda de 0,9% no mês após alta de 8,3% em setembro.

No acumulado do ano, houve alta de 4,7%, liderada pelo ramo de móveis, eletroeletrônicos e informática seguido por veículos, motos e peças; tecidos, vestuário, calçados e acessórios. Combustíveis e lubrificantes e material de construção tiveram baixa.

Rede britânica vai fechar 373 lojas; 1.738 serão demitidos

A First Quench, proprietária de redes de lojas de bebidas, vai fechar 373 estabelecimentos, resultando em 1.738 demissões. A decisão foi tomada após colapso da empresa, que passou a ser administrada pela KPMG na semana passada.

A First Quench tem 1.202 lojas no Reino Unido. "As lojas restantes continuarão abertas como de costume, enquanto procuramos comprador", afirmou Richard Fleming, diretor para reestruturação da KPMG. Até o dia 25, 247 das 373 lojas que serão fechadas continuarão abertas e os estoques serão vendidos com desconto.

A Hilco and Endless está entre as empresas de private equity que mostraram interesse em comprar as lojas. A First Quench emprega 6.283 pessoas e sentiu os efeitos do mercado mais concorrido, especialmente por causa de redes de supermercado.

Emissão de cheques sem fundos cresce 1,48% em outubro

O volume de cheques sem fundos emitidos em outubro teve alta de 1,48% frente a setembro, primeiro crescimento depois de três meses consecutivos de queda. É o que aponta levantamento da Equifax. Foram devolvidos 1,97 milhão de cheques em outubro, contra 1,94 milhão em setembro. Na comparação anual, o resultado caminhou em trajetória contrária: forte retração de 17,26% ante outubro de 2008, mês de agravamento da crise financeira.

Os economistas da Equifax amenizam a ligeira alta sob o argumento de que ela não pode ser considerada tendência, mas pequeno repique em função do aumento do movimento no comércio. "A variação de 1,48% em relação a setembro é estatisticamente mínima."

Os analistas ressaltam ainda que a curva de tendência da emissão de cheques sem fundos é declinante, indicando a recuperação da atividade econômica. E preveem tendência de queda nos próximos meses.

O balanço também registrou o volume de títulos protestados em outubro, que apresentou baixa de 2,11% em relação a setembro.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;