Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 5 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Curva na av.Sapopemba põe motorista em risco


Bruno Ribeiro
Especial para o Diário

28/09/2005 | 08:16


Uma curva perigosa na avenida Sapopemba, no Parque Novo Oratório, em Santo André, coloca em risco motoristas e pedestres. A rua tem tráfego pesado de caminhões, que usam a rua como rota alternativa para escapar do trânsito. A curva é muito fechada e sem visibilidade, o que ocasiona acidentes freqüentes. De tanto a população reclamar – desde 2002 –, a Prefeitura colocou tartarugas na faixa amarela que divide a pista. Solução desaprovada pelos moradores, que dizem que além de não ter resolvido o problema, agora convivem com o barulho dos veículos passando pelos obstáculos.

O corretor de imóveis Edson Xavier, 60 anos, afirma que o local sempre foi perigoso. "Pedimos à Prefeitura a colocação de algum redutor de velocidade na curva. Depois que colocaram essa divisão na pista, somos acordados com o barulho da carroceria dos caminhões batendo nas tartarugas", reclama. Do lado oposto à casa de Xavier, está a residência da dona-de-casa Maria José Dias, 62. A parede de sua casa tem um rombo, tampado com tijolos à vista, resultado de um carro que perdeu o controle ao fazer a curva em alta velocidade há um mês. "Isso aqui é um perigo. Meu filho está começando a organizar um abaixo-assinado para cobrar a colocação de radares ou lombadas antes das curvas."

Apesar das reclamações, o Departamento de Trânsito e Circulação informou que o local não registra número significativo de acidentes graves para justificar, de acordo com critérios técnicos, a instalação de um radar ou lombada eletrônica. A Prefeitura informou ainda que será realizada vistoria nesse trecho para verificar se existe necessidade de reforçar a sinalização de orientação aos motoristas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;