Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 26 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Repórter descobre câncer após receber e-mail de telespectadora

Reprodução/Instagram Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


24/07/2020 | 15:10


Victoria Price, repórter da emissora WFLA da Flórida, Estados Unidos, fez um relato emocionante em seu perfil oficial do Instagram. A jornalista afirmou que descobriu um câncer após receber um e-mail de uma telespectadora, que achou estranho ver caroço no pescoço da comunicadora. Victoria, então, foi atrás de um médico e descobriu que tem um tumor maligno na região da tireoide.

8 On Your Side [algo como 8 Ao Seu Lado, provavelmente se referindo ao número da emissora] não é apenas uma frase de efeito da WFLA, é a nossa essência. Mas os papéis recentemente foram invertidos quando encontrei uma espectadora ao meu lado, e eu não poderia estar mais agradecida.

Como jornalista, tenho estado a todo vapor desde o início da pandemia. Mudanças sem fim em um ciclo de notícias sem fim. Ajustando-se a fluxos de trabalho remotos e, no meu caso, assumindo uma nova função de investigação. Estávamos cobrindo a história de saúde mais importante em um século, mas minha própria saúde era a coisa mais distante da minha mente.

Até que uma espectadora me enviou um e-mail no mês passado, comentou.

A repórter também divulgou o conteúdo do e-mail da telespectadora, que dizia o seguinte:

Olá, acabei de ver sua notícia. O que me preocupou foi o caroço no seu pescoço. Por favor, faça uma verificação em sua tireoide. Me lembrou o meu pescoço. O meu acabou sendo câncer. Se cuide.

É então que a jornalista confirma que o caroço em seu pescoço também foi identificado como um câncer.

Ela viu um caroço no meu pescoço. Disse que lembrava do dela. O dela era câncer. Acontece que o meu também é. A Covid criou alguns atrasos no diagnóstico, mas finalmente vou me submeter a uma cirurgia nesta segunda-feira para remover o tumor, minha tireoide e alguns linfonodos próximos. O médico diz que está se espalhando, mas não muito, e esperamos que este seja meu primeiro e último procedimento.

Victoria ainda faz questão de agradecer à telespectadora.

Se eu nunca tivesse recebido esse e-mail, nunca teria ligado para o meu médico. O câncer continuaria a se espalhar. É um pensamento assustador e humilhante. Serei eternamente grata à mulher que se esforçou para me enviar um e-mail, uma total estranha. Ela não tinha obrigação de fazê-lo, mas fez assim mesmo. É assim que ficamos do lado uns dos outros, não é? O mundo é um lugar difícil hoje em dia. Não se esqueça de cuidar de si mesmo. Cuidem-se. Amo vocês e até breve.

Que história, hein? E aí, o que você achou?



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Repórter descobre câncer após receber e-mail de telespectadora


24/07/2020 | 15:10


Victoria Price, repórter da emissora WFLA da Flórida, Estados Unidos, fez um relato emocionante em seu perfil oficial do Instagram. A jornalista afirmou que descobriu um câncer após receber um e-mail de uma telespectadora, que achou estranho ver caroço no pescoço da comunicadora. Victoria, então, foi atrás de um médico e descobriu que tem um tumor maligno na região da tireoide.

8 On Your Side [algo como 8 Ao Seu Lado, provavelmente se referindo ao número da emissora] não é apenas uma frase de efeito da WFLA, é a nossa essência. Mas os papéis recentemente foram invertidos quando encontrei uma espectadora ao meu lado, e eu não poderia estar mais agradecida.

Como jornalista, tenho estado a todo vapor desde o início da pandemia. Mudanças sem fim em um ciclo de notícias sem fim. Ajustando-se a fluxos de trabalho remotos e, no meu caso, assumindo uma nova função de investigação. Estávamos cobrindo a história de saúde mais importante em um século, mas minha própria saúde era a coisa mais distante da minha mente.

Até que uma espectadora me enviou um e-mail no mês passado, comentou.

A repórter também divulgou o conteúdo do e-mail da telespectadora, que dizia o seguinte:

Olá, acabei de ver sua notícia. O que me preocupou foi o caroço no seu pescoço. Por favor, faça uma verificação em sua tireoide. Me lembrou o meu pescoço. O meu acabou sendo câncer. Se cuide.

É então que a jornalista confirma que o caroço em seu pescoço também foi identificado como um câncer.

Ela viu um caroço no meu pescoço. Disse que lembrava do dela. O dela era câncer. Acontece que o meu também é. A Covid criou alguns atrasos no diagnóstico, mas finalmente vou me submeter a uma cirurgia nesta segunda-feira para remover o tumor, minha tireoide e alguns linfonodos próximos. O médico diz que está se espalhando, mas não muito, e esperamos que este seja meu primeiro e último procedimento.

Victoria ainda faz questão de agradecer à telespectadora.

Se eu nunca tivesse recebido esse e-mail, nunca teria ligado para o meu médico. O câncer continuaria a se espalhar. É um pensamento assustador e humilhante. Serei eternamente grata à mulher que se esforçou para me enviar um e-mail, uma total estranha. Ela não tinha obrigação de fazê-lo, mas fez assim mesmo. É assim que ficamos do lado uns dos outros, não é? O mundo é um lugar difícil hoje em dia. Não se esqueça de cuidar de si mesmo. Cuidem-se. Amo vocês e até breve.

Que história, hein? E aí, o que você achou?

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;