Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 2 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Sem-terra é assassinado em assentamento no Rio


Do Diário do Grande ABC

11/06/2000 | 17:57


O militante do Movimento dos Trabalhores Rurais Sem-Terra (MST) Wanderley Bernardo Ferreira, 31 anos, foi assassinado neste sábado à noite em uma emboscada no lote onde ele estava assentado, em Campos, no norte do RJ.

Ferreira era um dos líderes do assentamento Zumbi de Palmares, fundado em uma antiga usina de açúcar desativada, a Sao Joao.

Os líderes do MST em Campos afirmaram que Ferreira foi morto por vingança, porque teria participado do abate de três vacas de um fazendeiro vizinho, José Azeredo, que pastavam na área do assentamento. Azeredo nao foi encontrado neste domingo, ele teria viajado para visitar um primo no interior.

O secretário de Segurança do Rio de Janeiro, Josias Quintal, determinou uma "apuraçao rigorosa" do assassinato.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;