Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 27 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Ativista do Greenpeace invade a cúpula de Viena de biquíni


Do Diário OnLine
Com Agências

12/05/2006 | 10:41


Uma ativista da organização ambiental Greenpeace apareceu de biquíni nesta sexta-feira diante dos governantes europeus e latino-americanos que posavam para uma foto na cúpula de Viena, exibindo um cartaz em protesto contra a construção de duas fábricas de celulose na fronteira entre o Uruguai e a Argentina.

“Não às fábricas de celulose poluentes”, dizia o cartaz exibido pela mulher.

Evangelina Carroso é a rainha do carnaval da cidade argentina de Gualeguaychú, que luta contra as instalações industriais na localidade vizinha uruguaia Fray Bentos.

A jovem conseguiu entrar no centro de convenções de Viena, onde se realiza a 4a Cúpula de Chefes de Estado e de Governo da América Latina, do Caribe e da União Européia, utilizando uma credencial de jornalista.

De acordo com a coordenadora da campanha anticontaminação promovida pelo Greenpace, Paura Brufman, o objetivo dessa aparição era chamar a atenção do mundo para o suposto perigo ambiental que representa o empreendimento na fronteira bilateral.

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, disse que este ato foi “uma das melhores coisas que aconteceu na cúpula”, depois de aplaudir e elogiar a moça.

A Argentina e o Uruguai vivem um impasse há mais de um ano por causa destas fábricas de celulose. Os argentinos se opõem a instalação das fábricas e chegaram até a apresentar uma ação contra o Uruguai.

O Uruguai alega que as fábricas serão construídas com tecnologias modernas que não afetam o meio ambiente.  


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ativista do Greenpeace invade a cúpula de Viena de biquíni

Do Diário OnLine
Com Agências

12/05/2006 | 10:41


Uma ativista da organização ambiental Greenpeace apareceu de biquíni nesta sexta-feira diante dos governantes europeus e latino-americanos que posavam para uma foto na cúpula de Viena, exibindo um cartaz em protesto contra a construção de duas fábricas de celulose na fronteira entre o Uruguai e a Argentina.

“Não às fábricas de celulose poluentes”, dizia o cartaz exibido pela mulher.

Evangelina Carroso é a rainha do carnaval da cidade argentina de Gualeguaychú, que luta contra as instalações industriais na localidade vizinha uruguaia Fray Bentos.

A jovem conseguiu entrar no centro de convenções de Viena, onde se realiza a 4a Cúpula de Chefes de Estado e de Governo da América Latina, do Caribe e da União Européia, utilizando uma credencial de jornalista.

De acordo com a coordenadora da campanha anticontaminação promovida pelo Greenpace, Paura Brufman, o objetivo dessa aparição era chamar a atenção do mundo para o suposto perigo ambiental que representa o empreendimento na fronteira bilateral.

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, disse que este ato foi “uma das melhores coisas que aconteceu na cúpula”, depois de aplaudir e elogiar a moça.

A Argentina e o Uruguai vivem um impasse há mais de um ano por causa destas fábricas de celulose. Os argentinos se opõem a instalação das fábricas e chegaram até a apresentar uma ação contra o Uruguai.

O Uruguai alega que as fábricas serão construídas com tecnologias modernas que não afetam o meio ambiente.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;