Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 12 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Gilberto Kassab suspende multas aplicadas durante as enchentes



06/12/2006 | 00:21


Por determinação do prefeito Gilberto Kassab (PFL), a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) não vai registrar eventuais multas aplicadas a motoristas que desrespeitaram o rodízio municipal de veículos entre 17h e 20h de segunda-feira, por terem ficado presos em congestionamentos provocados pela forte chuva que caiu na capital.

Não está definido se a medida valerá para toda a cidade ou apenas para alguns pontos específicos com alagamentos. A anistia não será adotada para outros dias em que os paulistanos ficaram horas no carro por causa de ruas inundadas, como no dia 30. Nesse caso, o motorista que foi multado por descumprimento do rodízio terá de recorrer da infração.

Kassab acenou nesta terça-feira com a possibilidade de que a anistia possa ser aplicada todos os dias que houver algum fato extraordinário para o trânsito - como inundações e até uma série de atentados - o que dependeria da edição de um decreto.

Ele descartou, porém, a liberação do rodízio nessas ocasiões. “Isso só atrapalharia ainda mais o trânsito, pois aumentaria em 20% os veículos nas ruas”, comentou.

Outra medida estudada pelo grupo de trabalho é a isenção do pagamento do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) a quem teve seu imóvel atingido pelas inundações, mas ainda não há definição de como isso poderá ser feito.

Kassab afirmou que “existirá, dentro das subprefeituras, um departamento específico voltado para as famílias atingidas pelas enchentes”.

Campanha – O prefeito Gilberto Kassab aproveitou para pedir “ a todos os paulistanos” que não joguem papéis nas ruas ou deixem sacos de lixo na frente de suas casas pela manhã, muito antes do horário de coleta. “É isso que geralmente provoca o entupimento das bocas-de-lobo”.

O secretário de Coordenação das Subprefeituras, Andrea Matarazzo, disse que a Prefeitura vai promover uma campanha, por meio de anúncios em rádios e talvez em TVs, para orientar a população. Matarazzo disse que a distribuição de panfletos educativos pelas empresas de coleta não vinha sendo suficiente para conscientizar os paulistanos.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Gilberto Kassab suspende multas aplicadas durante as enchentes


06/12/2006 | 00:21


Por determinação do prefeito Gilberto Kassab (PFL), a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) não vai registrar eventuais multas aplicadas a motoristas que desrespeitaram o rodízio municipal de veículos entre 17h e 20h de segunda-feira, por terem ficado presos em congestionamentos provocados pela forte chuva que caiu na capital.

Não está definido se a medida valerá para toda a cidade ou apenas para alguns pontos específicos com alagamentos. A anistia não será adotada para outros dias em que os paulistanos ficaram horas no carro por causa de ruas inundadas, como no dia 30. Nesse caso, o motorista que foi multado por descumprimento do rodízio terá de recorrer da infração.

Kassab acenou nesta terça-feira com a possibilidade de que a anistia possa ser aplicada todos os dias que houver algum fato extraordinário para o trânsito - como inundações e até uma série de atentados - o que dependeria da edição de um decreto.

Ele descartou, porém, a liberação do rodízio nessas ocasiões. “Isso só atrapalharia ainda mais o trânsito, pois aumentaria em 20% os veículos nas ruas”, comentou.

Outra medida estudada pelo grupo de trabalho é a isenção do pagamento do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) a quem teve seu imóvel atingido pelas inundações, mas ainda não há definição de como isso poderá ser feito.

Kassab afirmou que “existirá, dentro das subprefeituras, um departamento específico voltado para as famílias atingidas pelas enchentes”.

Campanha – O prefeito Gilberto Kassab aproveitou para pedir “ a todos os paulistanos” que não joguem papéis nas ruas ou deixem sacos de lixo na frente de suas casas pela manhã, muito antes do horário de coleta. “É isso que geralmente provoca o entupimento das bocas-de-lobo”.

O secretário de Coordenação das Subprefeituras, Andrea Matarazzo, disse que a Prefeitura vai promover uma campanha, por meio de anúncios em rádios e talvez em TVs, para orientar a população. Matarazzo disse que a distribuição de panfletos educativos pelas empresas de coleta não vinha sendo suficiente para conscientizar os paulistanos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;