Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 7 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Páscoa tem 18% menos acidentes nas rodovias

DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Número de ocorrências nas estradas
que cortam a região passou de 44 para 36


Natália Fernandjes
do Diário do Grande ABC

19/04/2017 | 07:07


Embora o feriado de Páscoa deste ano, entre os dias 13 e 16 de abril, tenha registrado 18,18% menos acidentes do que no mesmo período de 2016 nas estradas que cortam o Grande ABC em direção ao Litoral ou Interior do Estado, houve uma vítima fatal – no ano passado não foram observados óbitos.

Levantamento do 1º Batalhão de Polícia Rodoviária do Estado – feito com base nas informações das concessionárias que administram o SAI (Sistema Anchieta-Imigrantes), Índio Tibiriçá, Caminho do Mar (Estrada Velha) e nos trechos Leste e Sul do Rodoanel – contabilizou 36 ocorrências na Operação Paixão de Cristo de 2017 contra 44 registros um ano antes.

A estrada com maior número de ocorrências neste ano foi a Anchieta, com 20 acidentes. O número, inclusive, é maior do que o observado em 2016 (13 acidentes). O Rodoanel – os dois trechos – aparece na sequência, com nove acidentes, e a Imigrantes em terceiro lugar, com cinco registros (veja arte acima).

Conforme a Ecovias, concessionária responsável pelo SAI, em todo o trecho de vias que liga a Capital ao Litoral paulista foram 46 acidentes, sendo 25 no Grande ABC. Houve outra morte na Anchieta, no entanto, em área da Praia Grande, além de 14 feridos. Circularam pela Anchieta e pela Imigrantes 263.163 veículos.

Ao longo dos cinco dias de contagem do feriado, a concessionária atendeu 1.260 usuários que precisaram de auxílio nas rodovias. Destes atendimentos, 657 foram ocorrências por panes mecânicas, 505 necessitaram do apoio de guincho e 98 solicitaram socorro médico.

Balanço divulgado pela SPMar, concessionária responsável pela administração dos trechos Sul e Leste do Rodoanel Mário Covas, aponta a passagem de 460 mil veículos – sendo 345 mil no Trecho Sul e 115 mil no Leste – durante a Operação Especial do feriado da Páscoa. Neste período não houve acidente com vítima fatal no Rodoanel.

ESTADO
O número de mortos em acidentes nas rodovias paulistas durante o feriado da Páscoa caiu 25% em relação ao ano passado, saindo de 24 para 18. Os dados são do Comando de Policiamento Rodoviário, órgão da Polícia Militar.

Os acidentes com vítimas caíram 4,3% na comparação com o ano passado (de 279 para 267), sendo que os casos graves passaram de 86 para 70 (redução de 18,6%).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Páscoa tem 18% menos acidentes nas rodovias

Número de ocorrências nas estradas
que cortam a região passou de 44 para 36

Natália Fernandjes
do Diário do Grande ABC

19/04/2017 | 07:07


Embora o feriado de Páscoa deste ano, entre os dias 13 e 16 de abril, tenha registrado 18,18% menos acidentes do que no mesmo período de 2016 nas estradas que cortam o Grande ABC em direção ao Litoral ou Interior do Estado, houve uma vítima fatal – no ano passado não foram observados óbitos.

Levantamento do 1º Batalhão de Polícia Rodoviária do Estado – feito com base nas informações das concessionárias que administram o SAI (Sistema Anchieta-Imigrantes), Índio Tibiriçá, Caminho do Mar (Estrada Velha) e nos trechos Leste e Sul do Rodoanel – contabilizou 36 ocorrências na Operação Paixão de Cristo de 2017 contra 44 registros um ano antes.

A estrada com maior número de ocorrências neste ano foi a Anchieta, com 20 acidentes. O número, inclusive, é maior do que o observado em 2016 (13 acidentes). O Rodoanel – os dois trechos – aparece na sequência, com nove acidentes, e a Imigrantes em terceiro lugar, com cinco registros (veja arte acima).

Conforme a Ecovias, concessionária responsável pelo SAI, em todo o trecho de vias que liga a Capital ao Litoral paulista foram 46 acidentes, sendo 25 no Grande ABC. Houve outra morte na Anchieta, no entanto, em área da Praia Grande, além de 14 feridos. Circularam pela Anchieta e pela Imigrantes 263.163 veículos.

Ao longo dos cinco dias de contagem do feriado, a concessionária atendeu 1.260 usuários que precisaram de auxílio nas rodovias. Destes atendimentos, 657 foram ocorrências por panes mecânicas, 505 necessitaram do apoio de guincho e 98 solicitaram socorro médico.

Balanço divulgado pela SPMar, concessionária responsável pela administração dos trechos Sul e Leste do Rodoanel Mário Covas, aponta a passagem de 460 mil veículos – sendo 345 mil no Trecho Sul e 115 mil no Leste – durante a Operação Especial do feriado da Páscoa. Neste período não houve acidente com vítima fatal no Rodoanel.

ESTADO
O número de mortos em acidentes nas rodovias paulistas durante o feriado da Páscoa caiu 25% em relação ao ano passado, saindo de 24 para 18. Os dados são do Comando de Policiamento Rodoviário, órgão da Polícia Militar.

Os acidentes com vítimas caíram 4,3% na comparação com o ano passado (de 279 para 267), sendo que os casos graves passaram de 86 para 70 (redução de 18,6%).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;