Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 29 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Ganso reclama que não é valorizado no Peixe e pede aumento



12/01/2011 | 07:02


O meia Paulo Henrique Ganso deixou de lado a imagem de garoto tímido e detonou a diretoria do Santos. O jogador, que está na fase final de recuperação de cirurgia no joelho esquerdo, se diz magoado com a falta de valorização e avisou que irá pedir aumento salarial.

O problema já se arrasta por cinco meses. Em agosto, a diretoria santista iria discutir com Ganso um projeto semelhante ao acertado com Neymar, após o atacante ter recebido proposta milionária do Chelsea. A reunião marcada para o dia 25 - um dia após o jogo contra o Grêmio, em que Ganso se machucou -, até aconteceu, mas foi em vão.

"A conversa estava marcada para uma quinta e minha contusão aconteceu numa quarta. Desde a contusão, houve três conversas, mas não foi resolvido nada", revelou Ganso.

A expectativa do jogador não é nada boa. "Não ser valorizado por seu clube é complicado. As negociações foram dadas por encerradas porque o Santos não me procurou mais", disse.

Apesar das críticas, o meia garante que não deixará o Peixe, com quem tem contrato até 2015. Mas avisou que vai reivindicar remuneração maior que os R$ 150 mil mensais que recebe atualmente.

O clube não comentou as críticas. Informou apenas, por meio de nota, que as negociações serão retomadas na próxima semana.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;