Fechar
Publicidade

Domingo, 20 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Sem para-raio, moradores temem descarga elétrica em Diadema

Após explosão em poste, moradores da Vila Nogueira, em Diadema, convivem com o risco de descargas elétricas


Caroline Garcia
Especial para o Diário

03/09/2012 | 07:00


Após explosão em poste, moradores da Vila Nogueira, em Diadema, convivem com o risco de descargas elétricas. Segundo a vizinhança, a fiação da Rua João Coelho de Souza estourou e pegou fogo há uma semana, danificando o para-raio. Desde então, nada foi feito. O acidente, no entanto, não interrompeu o fornecimento de energia.

A estagiária de Direito Mônica Maravelli, 35 anos, relata que técnicos da AES Eletropaulo foram ao local na terça-feira, mas não solucionaram o problema. "O funcionário disse que não colocaria a mão porque está perigoso. O para-raio do poste foi queimado e a descarga elétrica pode chegar a 3.000 watts. A vida deles não pode correr risco, mas e a nossa?" questiona.

A dona de casa Aparecida Cordeiro, 58, diz ter sido orientada a evitar lavar o quintal para que a água não entre em contato com o poste. "O que vamos fazer com a chuva? Estou pensando em separar umas botas de borracha e deixar no quintal, caso alguma coisa aconteça."

A rua é paralela à Avenida Piraporinha e o poste fica próximo da EE Jornalista Rodrigo Soares Júnior. "Aqui é bem movimentado. Na entrada e saída da escola, as crianças passam debaixo do poste, não tem como evitar", conta Aparecida.

A AES Eletropaulo confirmou os danos no para-raio, mas afirma que os técnicos constataram a existência de mais dois equipamentos funcionando normalmente. Em razão disso, não há risco para a população, diz a concessionária. A empresa informa que o aparelho será trocado em até 30 dias. A energia precisará ser interrompida para o serviço, mas a vizinhança será avisada.

 

 

 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;