Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 7 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Marcos pede o incentivo da torcida contra o Atlético-PR


Carlos Tadeu
Especial para o Diário

12/04/2010 | 07:00


Depois de ter sido poupado nos dois últimos jogos do Paulistão, o goleiro Marcos estará de volta ao time no importante confronto diante do Atlético-PR, quinta-feira, no Palestra Itália, no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. O capitão alviverde espera que a torcida lote o estádio e incentive a equipe do início ao fim.

"O Palestra é a nossa casa. Precisa parar com essa história que o nosso estádio faz mal. Nosso retrospecto em toda a história no Palestra é sensacional e nós temos de transformar nossa casa num caldeirão", declarou Marcos.

"Estamos motivados e vamos entrar ralando a bunda na grama para conseguir um bom resultado. Se o time jogar o que sabe e a torcida empurrar do primeiro ao último minuto, vamos ter ainda mais força para tentar um resultado positivo", destacou.

Marcos, no entanto, reconhece que o time terá de fazer algo a mais para não voltar a decepcionar. "Nossas dificuldades serão enormes, mas precisamos tentar superá-las", completou. Em 2010, o Palmeiras só ganhou 13 dos 30 pontos disputados em seu estádio.

O técnico Antônio Carlos transferiu os treinos de hoje à tarde da Academia de Futebol para o Palestra Itália. (Com AE)



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Marcos pede o incentivo da torcida contra o Atlético-PR

Carlos Tadeu
Especial para o Diário

12/04/2010 | 07:00


Depois de ter sido poupado nos dois últimos jogos do Paulistão, o goleiro Marcos estará de volta ao time no importante confronto diante do Atlético-PR, quinta-feira, no Palestra Itália, no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. O capitão alviverde espera que a torcida lote o estádio e incentive a equipe do início ao fim.

"O Palestra é a nossa casa. Precisa parar com essa história que o nosso estádio faz mal. Nosso retrospecto em toda a história no Palestra é sensacional e nós temos de transformar nossa casa num caldeirão", declarou Marcos.

"Estamos motivados e vamos entrar ralando a bunda na grama para conseguir um bom resultado. Se o time jogar o que sabe e a torcida empurrar do primeiro ao último minuto, vamos ter ainda mais força para tentar um resultado positivo", destacou.

Marcos, no entanto, reconhece que o time terá de fazer algo a mais para não voltar a decepcionar. "Nossas dificuldades serão enormes, mas precisamos tentar superá-las", completou. Em 2010, o Palmeiras só ganhou 13 dos 30 pontos disputados em seu estádio.

O técnico Antônio Carlos transferiu os treinos de hoje à tarde da Academia de Futebol para o Palestra Itália. (Com AE)

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;