Fechar
Publicidade

Sábado, 31 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

São Paulo pega o Flamengo no Rio e quer embalar no Brasileiro


Das Agências

14/06/2008 | 07:05


Depois da goleada sobre o Atlético-MG, no sábado passado, o São Paulo tenta consolidar sua reação no Campeonato Brasileiro neste sábado, no Maracanã (16h10) diante do Flamengo, que precisa de um empate para alcançar a liderança isolada, depois da derrota do Cruzeiro para o Palmeiras, por 5 a 2, na quinta.

Com Aloísio e Borges no ataque, o São Paulo promete um esquema tático bastante ofensivo no Rio e buscar os três pontos para subir na tabela - está em 12º lugar, com 10 pontos.

Entre os titulares, a principal ausência na partida contra os cariocas será o volante Richarlyson - perdeu lugar no time e será substituído por Zé Luís, que atuará ao lado Joilson, improvisado também no setor, uma vez que Hernanes acompanha a Seleção Brasileira nos jogos pelas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010.

O argumento do técnico Muricy Ramalho para justificar a mudança é simples: Richarlyson não pôde atuar contra o Atlético-MG, porque cumpriu suspensão. Sem o jogador, o Tricolor voou em campo e goleou o Galo por 5 a 1, no Morumbi, sábado passado.

"Aqui é assim: ninguém tem cadeira cativa, ninguém é especial. Ele ficou fora e o time acertou uma partida boa. Não posso mexer em uma equipe que jogou bem", afirmou o treinador.

Por outro lado, Muricy explica que Richarlyson conta com seu apoio e voltará em breve. Ele nega que estava barrando o jogador como forma de castigo pelas más partidas e constantes expulsões.

"Richarlyson é trabalhador, luta muito, e isso conta demais para mim. Ele vai ficar de fora agora, mas vai continuar batalhando. Daqui a pouco, volta".

Desde que foi deslocado de posição no São Paulo, Richarlyson não tem mais apresentado o bom futebol que o fez ser eleito um dos melhores volantes do Brasileiro de 2007, ao lado de Hernanes. Somente este ano, o atleta já foi expulso três vezes - duas pelo Campeonato Paulista e uma pelo Nacional.

Diego Tardelli promete gol e ‘vingança'

Líder do Brasileirão, o Flamengo encara como uma decisão o jogo dês sábado contra o São Paulo, no Maracanã. Para Diego Tardelli, a partida é ainda mais especial e chega a ser vista por ele como a chance de se vingar do clube do Morumbi, de onde saiu chateado no início deste ano.

O atacante reclama que não foi valorizado no São Paulo, que o revelou, e quer aprontar para cima da equipe comandada por Muricy Ramalho. Sonha fazer pelo menos um gol e vai comemorá-lo como se fosse o do título.

Diego Tardelli revelou também que não tem dormido direito esta semana, e contou que, ao se deitar, recupera imagens dos sete anos e meio que viveu no São Paulo, como se fosse um filme. "Provarei que não estavam certos quando me deixaram partir. Mas sem mágoa de ninguém ou qualquer sentimento de raiva", prometeu o atacante. (Com AE)



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;