Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 7 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

BC da Austrália mantém taxa de juros em 2,5% ao ano



01/07/2014 | 01:45


O Banco da Reserva da Austrália (RBA, na sigla em inglês) manteve a principal taxa de juro na mínima histórica de 2,5% ao ano, já que a recuperação econômica continua lenta.

Em comunicado semelhante ao da decisão anterior, do início de junho, o presidente do RBA, Glenn Stevens, repetiu que a taxa de câmbio permanece alta pelos padrões históricos, particularmente dado o declínio nos preços das commodities. O texto deste mês acrescentou que isso está oferecendo menos ajuda do que poderia para alcançar um crescimento econômico balanceado na economia.

Stevens também repetiu que o caminho mais prudente para a política monetária é o de um período de estabilidade nas taxas de juros e que a inflação deve se manter consistente com a meta de 2% a 3% ao longo dos próximos dois anos.

Ao falar sobre o mercado de trabalho, o presidente do RBA reforçou que há alguma melhora nos indicadores nos últimos meses e que provavelmente ainda levará algum tempo até que o desemprego decline consistentemente.

O banco central australiano cortou as taxas de juros oito vezes desde novembro de 2011, com o objetivo de incentivar setores domésticos da economia, como o varejo. Isso porque o boom da mineração, que sustentou o crescimento econômico por mais de uma década, começou a perder força. Fonte: Dow Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

BC da Austrália mantém taxa de juros em 2,5% ao ano


01/07/2014 | 01:45


O Banco da Reserva da Austrália (RBA, na sigla em inglês) manteve a principal taxa de juro na mínima histórica de 2,5% ao ano, já que a recuperação econômica continua lenta.

Em comunicado semelhante ao da decisão anterior, do início de junho, o presidente do RBA, Glenn Stevens, repetiu que a taxa de câmbio permanece alta pelos padrões históricos, particularmente dado o declínio nos preços das commodities. O texto deste mês acrescentou que isso está oferecendo menos ajuda do que poderia para alcançar um crescimento econômico balanceado na economia.

Stevens também repetiu que o caminho mais prudente para a política monetária é o de um período de estabilidade nas taxas de juros e que a inflação deve se manter consistente com a meta de 2% a 3% ao longo dos próximos dois anos.

Ao falar sobre o mercado de trabalho, o presidente do RBA reforçou que há alguma melhora nos indicadores nos últimos meses e que provavelmente ainda levará algum tempo até que o desemprego decline consistentemente.

O banco central australiano cortou as taxas de juros oito vezes desde novembro de 2011, com o objetivo de incentivar setores domésticos da economia, como o varejo. Isso porque o boom da mineração, que sustentou o crescimento econômico por mais de uma década, começou a perder força. Fonte: Dow Jones Newswires.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;