Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 1 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Uruguai vai pagar antecipado a dívida deste ano com o FMI


Da AFP

30/03/2006 | 16:08


O ministro da Economia do Uruguai, Danilo Astori, e o vice-diretor-gerente do FMI (Fundo Monetário Internacional), Agustín Carstens, vão anunciar nesta quinta-feira que o país pagará antecipadamente sua dívida referente a 2006 com o organismo: mais de US$ 700 milhões, informa o site Observa, citando fontes oficiais.

Astori e Carstens darão uma entrevista à imprensa às 17h para informar os detalhes do acordo.

O Uruguai já efetuou pagamentos antecipados da dívida com o Banco Mundial e o BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) por uma quantia aproximada de US$ 430 milhões, informou Astori no fim de fevereiro passado.

A intenção do Uruguai é trocar a dívida cara de curto prazo por uma mais barata de longo prazo. Por isso, vem emitindo bônus a longo prazo.

O Uruguai já havia emitido títulos a longo prazo em janeiro por US$ 500 milhões e em 2005 realizou três emissões no total de US$ 1 bilhão.

O FMI aprovou segunda-feira passada a terceira revisão do acordo stand-by com o Uruguai, que libera um desembolso de US$ 123,6 milhões ao país.

"O desempenho do Uruguai com relação ao acordo stand-by continua superando as expectativas", disse o mexicano Carstens, número três do FMI, segunda-feira em Washington.

O Uruguay e o FMI têm um acordo stand-by, de US$ 1,1 bilhão, a três anos, que foi assinado em junho passado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Uruguai vai pagar antecipado a dívida deste ano com o FMI

Da AFP

30/03/2006 | 16:08


O ministro da Economia do Uruguai, Danilo Astori, e o vice-diretor-gerente do FMI (Fundo Monetário Internacional), Agustín Carstens, vão anunciar nesta quinta-feira que o país pagará antecipadamente sua dívida referente a 2006 com o organismo: mais de US$ 700 milhões, informa o site Observa, citando fontes oficiais.

Astori e Carstens darão uma entrevista à imprensa às 17h para informar os detalhes do acordo.

O Uruguai já efetuou pagamentos antecipados da dívida com o Banco Mundial e o BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) por uma quantia aproximada de US$ 430 milhões, informou Astori no fim de fevereiro passado.

A intenção do Uruguai é trocar a dívida cara de curto prazo por uma mais barata de longo prazo. Por isso, vem emitindo bônus a longo prazo.

O Uruguai já havia emitido títulos a longo prazo em janeiro por US$ 500 milhões e em 2005 realizou três emissões no total de US$ 1 bilhão.

O FMI aprovou segunda-feira passada a terceira revisão do acordo stand-by com o Uruguai, que libera um desembolso de US$ 123,6 milhões ao país.

"O desempenho do Uruguai com relação ao acordo stand-by continua superando as expectativas", disse o mexicano Carstens, número três do FMI, segunda-feira em Washington.

O Uruguay e o FMI têm um acordo stand-by, de US$ 1,1 bilhão, a três anos, que foi assinado em junho passado.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;