Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 24 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Nancy Pelosi foi sequestrada pela esquerda radical [democrata], diz Trump



26/09/2019 | 14:10


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta quinta-feira que a presidente da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi, "foi sequestrada pela esquerda radical" do Partido Democrata. A crítica é feita após Pelosi abrir nesta semana uma investigação formal que pode resultar num processo de impeachment contra o presidente republicano.

Em breves declarações antes de embarcar para uma viagem, Trump disse que a oposição não deseja falar de questões como melhorias na infraestrutura ou a redução nos preços de medicamentos, concentrando-se apenas na questão do impeachment.

O processo foi aberto após Trump ter pressionado num telefonema o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, a investigar supostos negócios irregulares do ex-vice-presidente democrata Joe Biden e um de seus filhos, Hunter Biden. O presidente republicano afirma não ter cometido nenhuma irregularidade, mas a oposição o acusa de usar o cargo para tentar prejudicar um possível rival na corrida presidencial de 2020.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Nancy Pelosi foi sequestrada pela esquerda radical [democrata], diz Trump


26/09/2019 | 14:10


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta quinta-feira que a presidente da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi, "foi sequestrada pela esquerda radical" do Partido Democrata. A crítica é feita após Pelosi abrir nesta semana uma investigação formal que pode resultar num processo de impeachment contra o presidente republicano.

Em breves declarações antes de embarcar para uma viagem, Trump disse que a oposição não deseja falar de questões como melhorias na infraestrutura ou a redução nos preços de medicamentos, concentrando-se apenas na questão do impeachment.

O processo foi aberto após Trump ter pressionado num telefonema o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, a investigar supostos negócios irregulares do ex-vice-presidente democrata Joe Biden e um de seus filhos, Hunter Biden. O presidente republicano afirma não ter cometido nenhuma irregularidade, mas a oposição o acusa de usar o cargo para tentar prejudicar um possível rival na corrida presidencial de 2020.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;