Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 29 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Líder do PSDB do Senado, Paulo Bauer passa mal em dia de votação sobre Aécio



17/10/2017 | 18:50


O líder do PSDB no Senado, Paulo Bauer (SC), passou mal nesta terça-feira, 17, horas antes do Senado iniciar votação sobre a aplicação de medidas cautelares contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG), seu colega de partido. Segundo informações da assessoria de imprensa do parlamentar, Bauer foi encaminhado a um hospital de Brasília, no início da tarde, pouco depois de participar de uma reunião na casa do presidente do Senado, Eunício Oliveira, na qual tratou da votação envolvendo o político mineiro.

"O Instituto de Cardiologia do Distrito Federal (ICDF) informa que o senador Paulo Bauer deu entrada no hospital no início da tarde desta terça-feira (17) apresentando quadro de dor torácica. Ele foi inicialmente diagnosticado com crise hipertensiva e está sendo submetido a uma série de exames. O senador, que há dois anos foi submetido à cirurgia de revascularização permanecerá internado no ICDF para observação", diz o comunicado médico.

Bauer tem sido um dos principais articuladores de Aécio no Senado. O senador mineiro está afastado das funções parlamentares desde 26 de setembro, quando também passou a ser obrigado a se recolher em seu domicílio no período noturno. O senador precisa de 41 votos dos 81 senadores para derrubar a decisão da Corte e retomar o mandato.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Líder do PSDB do Senado, Paulo Bauer passa mal em dia de votação sobre Aécio


17/10/2017 | 18:50


O líder do PSDB no Senado, Paulo Bauer (SC), passou mal nesta terça-feira, 17, horas antes do Senado iniciar votação sobre a aplicação de medidas cautelares contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG), seu colega de partido. Segundo informações da assessoria de imprensa do parlamentar, Bauer foi encaminhado a um hospital de Brasília, no início da tarde, pouco depois de participar de uma reunião na casa do presidente do Senado, Eunício Oliveira, na qual tratou da votação envolvendo o político mineiro.

"O Instituto de Cardiologia do Distrito Federal (ICDF) informa que o senador Paulo Bauer deu entrada no hospital no início da tarde desta terça-feira (17) apresentando quadro de dor torácica. Ele foi inicialmente diagnosticado com crise hipertensiva e está sendo submetido a uma série de exames. O senador, que há dois anos foi submetido à cirurgia de revascularização permanecerá internado no ICDF para observação", diz o comunicado médico.

Bauer tem sido um dos principais articuladores de Aécio no Senado. O senador mineiro está afastado das funções parlamentares desde 26 de setembro, quando também passou a ser obrigado a se recolher em seu domicílio no período noturno. O senador precisa de 41 votos dos 81 senadores para derrubar a decisão da Corte e retomar o mandato.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;