Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 28 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Jerry Adriani em formato intimista

Divulgação  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Vinícius Castelli

27/03/2016 | 07:00


Paulistano do Brás, Jerry Adriani é daqueles que fazem parte da velha guarda da música brasileira. Dono de discos como Devo Tudo a Você, Pensa Em Mim e Italianíssimo, seu trabalho de estreia, lançado em 1964, o artista segue forte e com vozeirão afiado.

Cantor que soma 51 anos de carreira e é um dos nomes mais importantes da jovem guarda, ele resolveu arriscar novidades em show gravado ao vivo .

O registro, Outro Jerry Adriani, chega às lojas e em CD e DVD (Canal Brasil/Deck, R$ 13 e R$ 24, em média) ilustrado por repertório que pincela cancioneiro nacional e internacional. Conhecida nas vozes de nomes como Nat King Cole e Billie Holiday, a composição You’ve Changed, assinada por Carl Fischer e Bill Carey e que se tornou conhecida ainda na década de 1940, é a escolhida para abrir o espetáculo.

Ainda no universo internacional, Adriani faz bela interpretação para Quando, do italiano Pino Daniele, morto em 2015. O francês Charles Aznavour também é lembrado pelo paulistano em Hier Encore.

Outra que não fica de fora, e tem um gosto especial para o artista é Georgia On My Mind, conhecida principalmente pela voz de Ray Charles, de quem o paulistano é fã ferrenho e não pôde assistir a um show, há muito tempo atrás, pois não tinha dinheiro, como ele mesmo relata no encarte do CD.

De clima intimista, com os músicos sentados perto uns dos outros e com fotografia em preto e branco, o show tem direção do filho de Adriani, Thadeu Vivas, junto de Bernardo Mendonça. A direção musical é assinada por Billy Blanco Jr.

Para representar a música brasileira, Jerry Adriani foi certeiro. De Ivan Lins e Vitor Martins ele empresta a faixa Lembra de Mim. A Medida da Paixão, de Lenine e Dudu Falcão, não fica de fora. E como não poderia ser diferente, Raul Seixas, com quem o artista teve muito contato, é homenageado com a composição Medo da Chuva. Ótimo registro aos saudosos e para quem quer escutar uma bela voz com farto repertório. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Jerry Adriani em formato intimista

Vinícius Castelli

27/03/2016 | 07:00


Paulistano do Brás, Jerry Adriani é daqueles que fazem parte da velha guarda da música brasileira. Dono de discos como Devo Tudo a Você, Pensa Em Mim e Italianíssimo, seu trabalho de estreia, lançado em 1964, o artista segue forte e com vozeirão afiado.

Cantor que soma 51 anos de carreira e é um dos nomes mais importantes da jovem guarda, ele resolveu arriscar novidades em show gravado ao vivo .

O registro, Outro Jerry Adriani, chega às lojas e em CD e DVD (Canal Brasil/Deck, R$ 13 e R$ 24, em média) ilustrado por repertório que pincela cancioneiro nacional e internacional. Conhecida nas vozes de nomes como Nat King Cole e Billie Holiday, a composição You’ve Changed, assinada por Carl Fischer e Bill Carey e que se tornou conhecida ainda na década de 1940, é a escolhida para abrir o espetáculo.

Ainda no universo internacional, Adriani faz bela interpretação para Quando, do italiano Pino Daniele, morto em 2015. O francês Charles Aznavour também é lembrado pelo paulistano em Hier Encore.

Outra que não fica de fora, e tem um gosto especial para o artista é Georgia On My Mind, conhecida principalmente pela voz de Ray Charles, de quem o paulistano é fã ferrenho e não pôde assistir a um show, há muito tempo atrás, pois não tinha dinheiro, como ele mesmo relata no encarte do CD.

De clima intimista, com os músicos sentados perto uns dos outros e com fotografia em preto e branco, o show tem direção do filho de Adriani, Thadeu Vivas, junto de Bernardo Mendonça. A direção musical é assinada por Billy Blanco Jr.

Para representar a música brasileira, Jerry Adriani foi certeiro. De Ivan Lins e Vitor Martins ele empresta a faixa Lembra de Mim. A Medida da Paixão, de Lenine e Dudu Falcão, não fica de fora. E como não poderia ser diferente, Raul Seixas, com quem o artista teve muito contato, é homenageado com a composição Medo da Chuva. Ótimo registro aos saudosos e para quem quer escutar uma bela voz com farto repertório. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;