Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 6 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Lanchonete, cinema e teatro mais caros


Do Diário do Grande ABC

08/10/2010 | 07:05


Os passeios mais tradicionais de fazer no Dia das Crianças como ir à lanchonete, cinema e teatro vão custar um pouco mais caro neste ano. Isso por que esses serviços apresentaram reajuste de 4,61%, percentual pouco acima da inflação acumulada nos últimos 12 meses, que foi de 4,36%.

A variação está ligada ao aumento do salário-mínimo recebido pela maioria dos profissionais do setor de serviços, que vem acumulando altas reais, explica o economista da FGV (Fundação Getulio Vargas), André Braz, responsável pelo estudo.

Os preços das roupas e calçados infantis também encareceram. Os itens de vestuário subiram 4,14%, já os sapatos e sandálias ficaram mais caros 8,03%. "A mudança de coleção outono-inverno para primavera-verão deixa os valores dos produtos mais salgados. Tem que comparar muito os preços antes de comprar", alerta o economista.

Os brinquedos foram os únicos que ficaram mais baratos em relação ao ano passado, segundo levantamento da FGV. Tendo como base o IPC (Índice de Preços ao Consumidor) dos últimos 12 meses até setembro. O reajuste para esses produtos foi de 0,41%, percentual bem abaixo da inflação acumulada no período, de 4,36%.

Braz destaca que os videogames estão 12,56% mais baratos, beneficiados pela taxa de câmbio favorável. "Mas isso não justifica o pai assumir dívida para comprar o aparelho, afinal se financiar vai pagar mais caro. O interessante é comprar à vista e conseguir bom desconto."



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Lanchonete, cinema e teatro mais caros

Do Diário do Grande ABC

08/10/2010 | 07:05


Os passeios mais tradicionais de fazer no Dia das Crianças como ir à lanchonete, cinema e teatro vão custar um pouco mais caro neste ano. Isso por que esses serviços apresentaram reajuste de 4,61%, percentual pouco acima da inflação acumulada nos últimos 12 meses, que foi de 4,36%.

A variação está ligada ao aumento do salário-mínimo recebido pela maioria dos profissionais do setor de serviços, que vem acumulando altas reais, explica o economista da FGV (Fundação Getulio Vargas), André Braz, responsável pelo estudo.

Os preços das roupas e calçados infantis também encareceram. Os itens de vestuário subiram 4,14%, já os sapatos e sandálias ficaram mais caros 8,03%. "A mudança de coleção outono-inverno para primavera-verão deixa os valores dos produtos mais salgados. Tem que comparar muito os preços antes de comprar", alerta o economista.

Os brinquedos foram os únicos que ficaram mais baratos em relação ao ano passado, segundo levantamento da FGV. Tendo como base o IPC (Índice de Preços ao Consumidor) dos últimos 12 meses até setembro. O reajuste para esses produtos foi de 0,41%, percentual bem abaixo da inflação acumulada no período, de 4,36%.

Braz destaca que os videogames estão 12,56% mais baratos, beneficiados pela taxa de câmbio favorável. "Mas isso não justifica o pai assumir dívida para comprar o aparelho, afinal se financiar vai pagar mais caro. O interessante é comprar à vista e conseguir bom desconto."

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;