Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 4 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Corinthians enfrenta Cobresal na altitude

Ricardo Trida/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Timão encara 2.300 m acima do nível do mar na primeira partida da competição continental


Felipe Simões
Do Diário do Grande ABC

17/02/2016 | 07:00


Chegou a hora que o torcedor corintiano esperava desde a conquista do Brasileirão de 2015. Às 21h45, o Timão entra em campo na estreia da Libertadores diante do Cobresal, do Chile, pelo Grupo 8, em El Salvador, no Estádio El Cobre, em busca do segundo título de sua história.

E o jogo de abertura promete não ser fácil. Os chilenos vêm da primeira vitória em cinco rodadas do torneio local e jogam com aliados extras – a altitude de 2.300 metros e o deserto, região em que está El Salvador.

“Essas adaptações à altitude e ao clima são naturais, mas a qualidade do adversário está em primeiro plano”, garantiu o técnico Tite.

“A altitude é uma psicose. Para eles (Corinthians), vir a El Salvador gera um fator traumático, mais psicológico que fisiológico. Se tivermos o fator casa, temos muitas chances”, ressaltou o técnico Dalcio Giovagnoli ao jornal chileno El Mercurio.

Tite trabalhou jogada com Danilo escorando lançamento de Cássio para Romero e Lucca virem de trás. Além disso, o treinador testou Elias após ausência por trauma no tornozelo esquerdo – caso ele não jogue, Maycon será utilizado. O objetivo é cadenciar o jogo e evitar que os defensores se desgastem muito na marcação.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Corinthians enfrenta Cobresal na altitude

Timão encara 2.300 m acima do nível do mar na primeira partida da competição continental

Felipe Simões
Do Diário do Grande ABC

17/02/2016 | 07:00


Chegou a hora que o torcedor corintiano esperava desde a conquista do Brasileirão de 2015. Às 21h45, o Timão entra em campo na estreia da Libertadores diante do Cobresal, do Chile, pelo Grupo 8, em El Salvador, no Estádio El Cobre, em busca do segundo título de sua história.

E o jogo de abertura promete não ser fácil. Os chilenos vêm da primeira vitória em cinco rodadas do torneio local e jogam com aliados extras – a altitude de 2.300 metros e o deserto, região em que está El Salvador.

“Essas adaptações à altitude e ao clima são naturais, mas a qualidade do adversário está em primeiro plano”, garantiu o técnico Tite.

“A altitude é uma psicose. Para eles (Corinthians), vir a El Salvador gera um fator traumático, mais psicológico que fisiológico. Se tivermos o fator casa, temos muitas chances”, ressaltou o técnico Dalcio Giovagnoli ao jornal chileno El Mercurio.

Tite trabalhou jogada com Danilo escorando lançamento de Cássio para Romero e Lucca virem de trás. Além disso, o treinador testou Elias após ausência por trauma no tornozelo esquerdo – caso ele não jogue, Maycon será utilizado. O objetivo é cadenciar o jogo e evitar que os defensores se desgastem muito na marcação.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;