Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Avanço preocupante


Do Diário do Grande ABC

23/11/2020 | 23:59


O Grande ABC registrou nos últimos sete dias o maior índice de transmissão de Covid-19 de todo o Estado de São Paulo. Nas sete cidades, a taxa de avanço da doença é de 1,81. Isso significa que cada 100 pessoas contaminadas podem infectar outras 181. Assustador, para dizer o mínimo, principalmente porque no início do mês o marcador estava em 0,84.

Médicos infectologistas que foram ouvidos pela equipe de reportagem ilustram que a recuperação de um doente leva em torno de 19 dias. Dessa forma, a tendência de alta está diretamente ligada ao feriado de Nossa Senhora Aparecida (12 de outubro), quando muitos aproveitaram os dias ensolarados para pegar a estrada em direção ao Litoral, desrespeitando a maioria das regras sanitárias.

E essa ignorância aos cuidados básicos, infelizmente, tornou-se tendência. Tanto que, apenas na última semana, os sete municípios confirmaram 2.965 novos casos, a maior incidência desde o período entre 30 de agosto e 5 de setembro, quando 3.097 moradores testaram positivo. Nos sete últimos dias aconteceram 65 mortes, a quantidade mais elevada desde a que foi observada entre 27 de setembro e 3 de outubro, com 81 vítimas fatais.

O reflexo dessa desatenção por parte da população começa a se refletir nos serviços de saúde. Nos hospitais, o volume de pacientes em tratamento do novo coronavírus voltou a crescer. E se nenhuma providência for tomada, em breve poderemos rever cenas como as observadas no auge da pandemia. Com os equipamentos públicos e privados superlotados e anúncios assustadores de ocorrências de mortes.

Passou da hora de que cada um tenha consciência de seus atos. Que busque se proteger e, da mesma forma, proteger quem está ao seu redor. Assim como as autoridades precisam ser mais rígidas. Este Diário mostrou no sábado que apenas 31 multas pelo não uso de máscaras foram aplicadas. O desenvolvimento de ações conjuntas e eficazes é cada vez mais necessário para minimizar a ação do micro-organismo até a chegada da vacina.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Avanço preocupante

Do Diário do Grande ABC

23/11/2020 | 23:59


O Grande ABC registrou nos últimos sete dias o maior índice de transmissão de Covid-19 de todo o Estado de São Paulo. Nas sete cidades, a taxa de avanço da doença é de 1,81. Isso significa que cada 100 pessoas contaminadas podem infectar outras 181. Assustador, para dizer o mínimo, principalmente porque no início do mês o marcador estava em 0,84.

Médicos infectologistas que foram ouvidos pela equipe de reportagem ilustram que a recuperação de um doente leva em torno de 19 dias. Dessa forma, a tendência de alta está diretamente ligada ao feriado de Nossa Senhora Aparecida (12 de outubro), quando muitos aproveitaram os dias ensolarados para pegar a estrada em direção ao Litoral, desrespeitando a maioria das regras sanitárias.

E essa ignorância aos cuidados básicos, infelizmente, tornou-se tendência. Tanto que, apenas na última semana, os sete municípios confirmaram 2.965 novos casos, a maior incidência desde o período entre 30 de agosto e 5 de setembro, quando 3.097 moradores testaram positivo. Nos sete últimos dias aconteceram 65 mortes, a quantidade mais elevada desde a que foi observada entre 27 de setembro e 3 de outubro, com 81 vítimas fatais.

O reflexo dessa desatenção por parte da população começa a se refletir nos serviços de saúde. Nos hospitais, o volume de pacientes em tratamento do novo coronavírus voltou a crescer. E se nenhuma providência for tomada, em breve poderemos rever cenas como as observadas no auge da pandemia. Com os equipamentos públicos e privados superlotados e anúncios assustadores de ocorrências de mortes.

Passou da hora de que cada um tenha consciência de seus atos. Que busque se proteger e, da mesma forma, proteger quem está ao seu redor. Assim como as autoridades precisam ser mais rígidas. Este Diário mostrou no sábado que apenas 31 multas pelo não uso de máscaras foram aplicadas. O desenvolvimento de ações conjuntas e eficazes é cada vez mais necessário para minimizar a ação do micro-organismo até a chegada da vacina.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;