Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 18 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Novidades na telona



20/08/2009 | 07:00


Começa hoje o 20º Festival de Curtas de São Paulo, agora rebatizado como Curta Kinoforum - Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo. Como sempre, o evento dá a volta ao mundo, abrindo uma janela para a diversidade da produção no País e no mundo. Escritas do Cinema é o tema que rege a programação e parte dela se inscreve nas comemorações do ano da França no Brasil. Até dia 28, o festival vai exibir 400 filmes distribuídos por suas múltiplas sessões.

"De Volta ao Quarto 666", de Gustavo Spolidoro com Wim Wenders é uma das atrações brasileiras do evento. O diretor alemão realizara em 2000 o longa O Hotel de Um Milhão de Dólares. Spolidoro retomou o fio daquele filme e o levou ao quarto 666, número emblemático, para que Wenders fale de vida (e do apocalipse do cinema tradicional, face às novas tecnologias).

Escritas do Cinema reúne seleção particularmente atraente, a dos curtas que integraram a programação da Semana da Crítica no Festival de Cannes, em maio. A ela se somam obras dirigidas por críticos brasileiros e outros títulos com mesmo tema.

Exercícios de estilo são particularmente bem-vindos - comédias musicais como "West Bank Story", filmes de horror e as experimentações de linguagem do Kinolounge, que este ano têm o corpo humano como assunto predominante.

O chinês Jia Zhang-ke, por exemplo, mostra uma preciosidade de "19 minutos - Nós Que Nos Amávamos Tanto", cujo tema é a transformação econômica e social.

A mostra latina traz 27 títulos de 11 países e só a participação brasileira já valeria um festival - são 150 filmes, garimpados entre os cerca de 700 inscritos. O 20º Festival de Curtas terá exibições em dez salas da cidade. Todas as sessões serão gratuitas, bastando retirar o ingresso com uma hora de antecedência. Informações no site www.kinoforum.org e telefone 3034 5538.

Três produções são da região

Pelo menos, três filmes que participam do Festival Internacional de Curtas-Metragens são do Grande ABC. A falta de comunicação entre os casais modernos é o fio condutor da película "Sobre Paralelos", que tem direção de Victor Hugo Simões, morador de São Caetano.

No filme, a esposa (Glauce Gomes) e o marido (Val Mataverni) nunca conseguem se encontrar no apartamento onde moram. "Apesar de viverem juntos, as histórias nunca se cruzam. Elas são paralelas", explica Simões.

Com cerca de seis minutos, o curta não apresenta diálogos. "Fazemos uma crítica à individualidade, que é muito comum nos dias de hoje", alega. Serão cinco exibições. A primeira pode ser conferida amanhã, às 22h, na Cinemateca Brasileira (Largo Senador Raul Cardoso, 207, São Paulo).

Já o filme "SuperLotação" tem como palco a cidade de Santo André. O ator Cleiton Freitas vive um homem com síndrome do pânico que busca uma saída. "É uma pessoa que sobe e desce muros, percorre diversos espaços, mas não chega a lugar algum. Vislumbra horizontes, mas não encontra respostas a curto prazo", afirma a roterista Ana Cristina da Silva. A película pode ser vista amanhã, às 17h, também na Cinemateca Brasileira.

Produzir um suspense sobrenatural, gênero pouco explorado no Brasil, foi a ideia do andreende Sandro Casarini, que assina a direção do filme "A Casa da Praia".

Inspirado em lenda urbana, o curta fala da história de cinco jovens que, no final da década de 80, passam as férias em uma casa, no litoral paulista, Depois de evocarem espíritos durante a brincadeira do copo, são cercados por inexplicáveis acontecimentos sobrenaturais. O vídeo pode ser conferido amanhã, às 23h, no Cine Sesc (Rua Augusta, 1470, São Paulo).

(Da Redação)



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;