Fechar
Publicidade

Domingo, 26 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Atletas e técnico do Tigre divergem sobre empate com o Santos na Vila


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

01/02/2016 | 07:00


O empate com o Santos por 1 a 1 na estreia do Campeonato Paulista, sábado, na Vila Belmiro, teve interpretações diferentes entre jogadores e o técnico Roberto Fonseca. Enquanto o capitão e zagueiro Luciano Castán – autor do gol aurinegro – considera que o Tigre “perdeu dois pontos”, tanto o treinador quanto o goleiro Daniel defendem que o time do Grande ABC “ganhou um”.

“Pelo decorrer do jogo, deixamos de ganhar dois pontos. Ficou bem claro que poderíamos ter saído com a vitória. Saímos na frente, tivemos chances de matar o jogo, depois sofremos o empate”, declarou Castán. “Ganhamos um ponto. Temos de valorizar isso. Quantas equipes vão vir aqui (Vila Belmiro) e nem este ponto levarão”, contrapôs Roberto Fonseca. “Saímos daqui com um ponto, mas frustrados por não serem três. Respeito total e irrestrito ao Santos. Mas a gente também mostrou nossa força, entrega e comprometimento com o clube que sempre cumpriu com as responsabilidades da gente”, disse o goleiro Daniel.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Atletas e técnico do Tigre divergem sobre empate com o Santos na Vila

Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

01/02/2016 | 07:00


O empate com o Santos por 1 a 1 na estreia do Campeonato Paulista, sábado, na Vila Belmiro, teve interpretações diferentes entre jogadores e o técnico Roberto Fonseca. Enquanto o capitão e zagueiro Luciano Castán – autor do gol aurinegro – considera que o Tigre “perdeu dois pontos”, tanto o treinador quanto o goleiro Daniel defendem que o time do Grande ABC “ganhou um”.

“Pelo decorrer do jogo, deixamos de ganhar dois pontos. Ficou bem claro que poderíamos ter saído com a vitória. Saímos na frente, tivemos chances de matar o jogo, depois sofremos o empate”, declarou Castán. “Ganhamos um ponto. Temos de valorizar isso. Quantas equipes vão vir aqui (Vila Belmiro) e nem este ponto levarão”, contrapôs Roberto Fonseca. “Saímos daqui com um ponto, mas frustrados por não serem três. Respeito total e irrestrito ao Santos. Mas a gente também mostrou nossa força, entrega e comprometimento com o clube que sempre cumpriu com as responsabilidades da gente”, disse o goleiro Daniel.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;