Fechar
Publicidade

CANAIS


Crimes têm queda na região

27/06/2017 Tudo Imóvel

Os números da criminalidade no Grande ABC tiveram queda no mês de maio deste ano em comparação com o mesmo período de 2016. Conforme dados da SSP (Secretaria da Segurança Pública) do Estado, houve redução nos índices de vítimas de homicídios, roubo e furto e roubo de veículos. O único indicador regional que apresentou aumento foi o furto em geral, com oscilação de 0,35%. A maior redução foi no número de homicídios, que caiu em 12,5%, seguido pelo roubo de veículos, que baixou em 6,72% (veja mais informações na arte ao lado). Os números acompanham a queda na Capital, onde o homicídio reduziu 21,88%, de 64 para 50, sendo a menor de toda a série histórica, iniciada em 2001. Os roubos de veículo recuaram 11,67%.   Para a PM (Polícia Militar), a redução nos números é fruto de operações realizadas, inclusive em conjunto com as prefeituras e a Polícia Civil, e também do próprio patrulhamento. Lembrando que devido à mudança do Copom (Centro de Operação da Polícia Militar) de Santo André para a Capital, em maio, cerca de 50 policiais foram realocados nos batalhões. O efetivo das sete cidades é de aproximadamente 3.500 policiais.   “É o resultado de série de medidas, e do trabalho diuturno das viaturas no patrulhamento e em conjunto das forças de Segurança. E, claro, as operações. Temos um policiamento inteligente, que foca nos locais de maior incidência e verifica onde há necessidade de uma atenção diferenciada. Quando se encerra a operação, o patrulhamento é mantido. Além da sociedade, que participa ligando no 190 e também no disque denúncia”, destacou o porta-voz do CPA/M-6 (Comando de Policiamento de Área Metropolitana 6), capitão Pedro Alexandre João Salomão.   De janeiro a maio deste ano, a PM apreendeu 131 armas de fogo, realizou 46,5 mil buscas pessoais e 2.000 prisões na região. Em relação ao furto, o capitão afirmou que devem ser intensificadas as ações nos locais de incidência do crime. “Se considerarmos o período de janeiro até maio, o furto reduziu 5%. Por meio de ferramentas de pesquisa, estamos fazendo mapeamento e manutenção desse indicador”, contou o capitão.   Entre as medidas da Polícia Civil, o delegado seccional de São Bernardo e de São Caetano, Aldo Galiano Júnior, também destacou as operações mensais e ações integradas como importantes para a redução dos números. Entre os gargalos das cidades, ele citou as áreas de divisa. “Também fazemos fiscalização em lojas de peças usadas em conjunto com a Secretaria da Fazenda, mensalmente para verificar a procedência do material.”   O delegado seccional de Santo André, também responsável por Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra, Hélio Bressan, destacou o trabalho de esclarecimento da Polícia Civil, principalmente na resolução dos casos de homicídio. “Algumas das ações que fizemos já surtiram efeitos. As operações integradas com a prefeitura e PM também tiveram resultado positivo. Podemos esperar mais ações como essas nos próximos meses”, disse.    
URL:

Incorporar:
Compartilhe:
VÍDEOS RECENTES

VÍDEOS RECENTES