Fechar
Publicidade

Economia

Publicado em quinta-feira, 8 de dezembro de 2011 às 13:57 Histórico

Mantega defende fundo fiscal europeu

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, defendeu hoje a constituição de um fundo fiscal europeu. "Se eles conseguirem essa proeza, de discutir as metas fiscais de cada país juntos e haver um controle conjunto, também é um avanço", afirmou. Ele disse que é preciso dar sequência às medidas adotadas hoje pelo Banco Central Europeu (BCE) que, na visão do ministro, amplia a participação da instituição nos problemas da região. "Agora os europeus estão se convencendo de que precisam colocar o BCE à frente do combate à crise. Mas ainda não é o ideal", disse.

 

"Já há uma reação boa do mercado. Mas ainda há outros passos a dar, como a constituição do fundo fiscal europeu", afirmou. Mantega também defendeu a compra de títulos de países europeus pelo BCE.

 

O ministro afirmou que o cenário não mudou para o Brasil, que continua disposto a ampliar os recursos para que o Fundo Monetário Internacional (FMI) possa ajudar os países em crise desde que o BCE e os países europeus também contribuam para aumentar os recursos do fundo. "Vamos fazer algo combinado com China, Índia e Rússia", disse. Segundo ele, o Brasil não está disposto a participar dos fundos de investimentos para comprar bônus.



Veja Também

Tags


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Diário do Grande ABC