Fechar
Publicidade

Setecidades

Publicado em sexta-feira, 6 de abril de 2001 às 19:44 Histórico

Acidentes preocupam no Jardim do Estádio, em Sto.André

Os moradores da avenida Adriático, no Jardim do Estádio, em Santo André, reclamam dos freqüentes acidentes de trânsito que ocorrem no local, onde os veículos trafegam em alta velocidade. Segundo os moradores, às vezes, um radar móvel fica no local, mas não é suficiente para inibir os motoristas que continuam provocando acidentes, como o atropelamento de um garoto de 10 anos, que ocorreu quinta, às 20h. Os moradores reivindicam um radar fixo e sinalização em toda extensão da via para garantir a segurança.

Segundo o cinegrafista Edimárcio Sanvezzo, 26 anos, que mora na rua Adriático, os acidentes ocorrem em toda a via, por ser uma avenida larga e em declive – o que facilita aos veículos desenvolverem a velocidade de até 90 km/h –, mas os trechos mais perigosos são os cruzamento com a avenida Ampere e rua Professora Odila. “Justamente os locais onde as crianças atravessam para ir à escola do bairro (EE Antonio Adib Chammas) e não existe nem faixa de pedestre”, disse Sanvezzo.

“A solução seria colocar uma lombada eletrônica. Semáforos também ajudariam, mas não sei se os motoristas respeitariam”, disse a comerciante Maria das Neves, 45 anos, que já presenciou muitos acidentes no local.

A assessoria de imprensa da Prefeitura informou que a EPT (Empresa Pública de Transporte) instalou há duas semanas a sinalização de advertência de velocidade (aviso de presença de radar) e ainda é prematuro avaliar sua eficácia. Informou também, que os técnicos do DST estão fazendo um monitoramento da via estudando a necessidade de outros tipos de sinalização, como semáforo, faixas e lombada eletrônica. O levantamento será no concluído no prazo de 30 à 60 dias.



Veja Também

Tags


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Diário do Grande ABC