Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 21 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Ryan Reynolds diz que filha chorou ao vê-lo com maquiagem que deformava seu rosto para Deadpool



16/05/2018 | 11:11


Ryan Reynolds pode estar fazendo um enorme sucesso com Deadpool, no entanto, suas filhas parecem ainda não estar muito satisfeitas com o super. Em entrevista ao especial EW Radio Spotlight, o astro contou que as crianças começaram a chorar quando se depararam com o pai transformado em seu personagem Wade Wilson. Ines, a caçula da família, de 19 meses de vida, fruto da relação com Blake Lively, começou a chorar ao vê-lo no set de filmagens do longa-metragem

- Quando estou com a maquiagem de cicatriz, foi difícil para eles, porque eles estavam no set. Eu saio de casa de manhã e sou o papai e depois, no almoço, parecia que eu tinha dormido em cima de um fogão.

O ator ainda continuou a falar sobre a reação da filha:

- Minha filha de um ano ficou soluçando por horas depois de me ver. É uma tortura, porque você não pode tirar tudo e falar: Não, não, não! Veja, eu estou aqui embaixo! e se desfazer de mais de quatro horas de trabalho de maquiagem protética. Eu escolhi apenas continuar a assustá-la, disse o ator brincando, enquanto descrevia a aparência de seu personagem, como se ele estivesse sofrendo os efeitos de dormir dentro de um microondas.

Ryan, no entanto, afirma que aproveitou muito a transformação de Deadpool:

- Quando eu coloco a máscara, me sinto mais livre do que alguma vez já senti na vida. É uma situação especial. Eu não sei o que é exatamente, mas eu sinto que eu liberto o Deadpool em mim.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados