Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 21 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Atila sonda irmão de Márcio França para Saúde

Ricardo Trida/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

13/01/2018 | 07:00


O prefeito de Mauá, Atila Jacomussi (PSB), recebeu ontem, em seu gabinete, o pediatra Cláudio França, irmão do vice-governador de São Paulo, Márcio França (PSB). O nome de Cláudio foi sugestão de Márcio França para ocupar o comando da Secretaria de Saúde de Mauá, vago desde dezembro, com a saída do ex-vice-prefeito Márcio Chaves (PSD) para Santo André.

Cláudio França tem longo currículo público. Foi vice-prefeito de Iguape, no Interior, antes de ocupar diversos cargos na prefeitura de São Vicente, no Litoral, no governo do ex-prefeito Tercio Garcia (sucessor de Márcio França no governo local). Na administração da cidade da Baixada Santista, Cláudio foi secretário de Saúde e da Fazenda nos mandatos de Tercio Garcia, entre 2005 e 2012.

Apesar da conversa, Atila não bateu o martelo sobre quem será o secretário de Saúde da cidade. Nesta semana, ele também se reuniu com Antônio Carlos Marques, ex-vereador e ex-titular da Pasta de Saúde em Barueri.

Segundo apurou o Diário, Antônio Carlos Marques é o favorito para assumir o posto, uma vez que Cláudio França está à espera de o irmão se tornar governador de São Paulo e indicá-lo a algum cargo importante. Márcio França vai herdar a cadeira de Geraldo Alckmin (PSDB), que até abril precisa se desincompatibilizar do posto caso queira ser candidato à Presidência da República.

Enquanto não há definição sobre o secretário, Atila colocou o titular de Assuntos Jurídicos, Rogério Babichak, para responder interinamente pela Pasta. O socialista também se denominou “secretário político de Saúde de Mauá” e, nesta semana, despachou dentro da sede da secretaria e também do Hospital de Clínicas Doutor Radamés Nardini.

O núcleo duro do governo tenta efetivar o secretário de Saúde até o fim do mês. Atila não retornou os contatos do Diário para comentar sobre o caso. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados