Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 11 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Mais projetos na Câmara de S.Caetano


Raphael Rocha

30/11/2017 | 07:00


O prefeito de São Caetano, José Auricchio Júnior (PSDB), já encaminhou mais sete projetos e promete enviar mais cinco para votação nas próximas duas semanas na Câmara. O presidente da Casa, Pio Mielo (PMDB), desenhou cronograma para que todos os textos sejam apreciados – em seu devido tempo – até o dia 15, quando o Legislativo entra em férias. Sessões extraordinárias foram agendadas e outras devem ser marcadas. “Até brinquei com o prefeito Auricchio que ele vai conseguir mandar 40 projetos para a Câmara neste ano. Ele disse querer enviar 45 projetos. Não sei o motivo (risos)”, comentou Pio, em alusão à legenda do PSDB, de Auricchio. “Já fizemos reunião com lideranças dos partidos para tratar sobre os projetos. Há vários de muito interesse popular e que vão gerar debate bom na Câmara. Existe grande esforço de todos na Câmara, de vereadores a funcionários, para que essas propostas sejam analisadas em um prazo adequado, dentro do tempo que nos comprometemos com o prefeito.”

BASTIDORES

Coordenação
Entre o núcleo duro da campanha do ex-prefeito de São Bernardo e presidente estadual do PT, Luiz Marinho, ao governo do Estado, cresce a corrente que defende que o ex-prefeito de Santo André Carlos Grana (PT) seja indicado o coordenador principal do projeto eleitoral. Grana hoje é o líder da Macro PT ABC, o núcleo regional do petismo, e é aliado de Marinho desde o tempo de Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. É bem provável que Grana esteja na linha de frente da atividade de amanhã, que lançará a pré-candidatura de Marinho ao Palácio dos Bandeirantes.

À espreita
Ex-presidente do PT em Rio Grande da Serra, Erick de Paula acompanha atentamente a movimentação do ex-prefeiturável Claudinho da Geladeira. Ele já avisou aliados que, se Claudinho resolver sair do partido, vai se colocar à disposição do partido para concorrer à sucessão de Gabriel Maranhão (PSDB) em 2020.

Cidadão para Alckmin
Vereador de São Bernardo, Samuel Alves (PSDB) desta vez foi mais rápido no gatilho e já emplacou projeto para conceder título de cidadão são-bernardense ao governador Geraldo Alckmin (PSDB), que deve ser o presidenciável do partido no ano que vem. Antes, os correligionários de Samuel, Pery Cartola e Lia Duarte, apresentaram quase que simultaneamente concessão de título de cidadão para o prefeito da Capital, João Doria, que se articulou para ser candidato do PSDB à Presidência da República.

De saída
Adelson da Conceição de Lima foi exonerado do comando da GCM (Guarda Civil Municipal) de Ribeirão Pires. A demissão foi comunicada após reunião na tarde de ontem, no Paço. Lima foi um dos protagonistas de discussão puxada pelo vereador José Nelson da Paixão (PPS), que na semana passada, durante a sessão na Câmara, acusou o guarda, o secretário de Segurança, coronel José Luiz Navarro, e o titular de Comunicação, João Mancuso (PSB), de liderarem armação para acusá-lo de financiar um pichador detido em flagrante pela GCM.

Nomeação
Vlademir Pereira Silva, ex-jogador de basquete da extinta Pirelli, ex-professor de Educação Física em colégios da região e gestor de projetos na Assedec (Associação Educacional Esportiva e Cultural) – que trabalha com lei de incentivo ao esporte em Mauá, atendendo 450 crianças nas modalidades basquete, handebol e ginástica acrobática – será nomeado secretário adjunto de Esportes no governo de Atila Jacomussi (PSB).

WhatsApp
Na semana passada, durante reunião do PSB em Diadema, o prefeito Lauro Michels (PV) mandou mensagem a diversos filiados da legenda, via WhatsApp, tentando demover a ideia do presidente da Câmara, Marcos Michels (PSB), de lançar candidatura a deputado estadual. “Se o Marcos falar que é o candidato com o governo querendo ou não, fale para ele que as coisas não são assim. Que você é quem está com o governo e que o PSB só está aí por causa do governo”, escreveu Lauro a vários militantes. Lauro defende que o vice-prefeito Márcio da Farmácia (PV) saia candidato do Paço à Assembleia Legislativa. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados