Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 12 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Haverá flores para Wallace Simonsen


Ademir Medici

30/11/2017 | 07:00


“Papai trabalhou muito tempo em Santos. Era um campeão do café. Tinha uma queda para o negócio. Gostava, tinha capacidade. E pouco saía da cidade. Não precisava viajar pelos cafezais para entender da coisa.”

Depoimento de Luiz Wallace Simonsen, filho de Wallace Simonsen, gravado em 6-7-1995.

O dia 30 de novembro, data cívica máxima da história de São Bernardo, será celebrado nesta quinta-feira, às 11h, não na Praça Lauro Gomes, que está em obras e onde fica o busto de Wallace Simonsen, mas na Câmara de Cultura Antonino Assumpção.

A informação é prestada pelo secretário municipal de Cultura, Adalberto Guazzelli.

Hoje completam-se 73 anos da recuperação da emancipação político-administrativa de São Bernardo, que teve a liderança de Wallace Simonsen – São Bernardo havia sido rebaixado a distrito de Santo André, em 1938, voltando a ser município autônomo em 1944, com instalação em 1º de janeiro de 1945.

Simonsen, natural do Rio de Janeiro, era chamado de “o inglês’. E foi preponderante na conquista são-bernardense, de um grupo formado por representantes das famílias Azevedo Marques, Basso, Bochile, Colli, Corazza, Ghirardello, Lima, Miele, Oliveira Lima, Ronchetti, Sabatini, Setti-Braga, Tabet Marques, Trabachini, Zoboli, mais o padre Jerônimo Angeli, o médico Gabriel Nicolau e outros nomes da Sociedade Amigos de São Bernardo. 

LUNEMAJOLUZALUI

Wallace Cochrane Simonsen e sua mulher, Maria Emília Moretzsohn de Castro, tiveram oito filhos. Todos conviveram com São Bernardo, graças à casa de campo da família, na Chácara Silvestre, hoje próprio municipal.

Da filha mais velha, Lucy (nascida em 25 de novembro de 1907), à caçula Irene (que nasceu em 17 de outubro de 1917), os irmãos todos repetiam entre si uma palavra própria e quilométrica, familiar, só deles conhecida, que foi inventada em conjunto e da qual nunca mais esqueceram: LU-NE-MA-JO-LU-ZA-LU-I.

Um modo bem próprio de sintetizar, numa única palavra, os nomes dos filhos do seo Wallace e de dona Maria Emília.

Em 1995, ao escrever o livro sobre os 75 anos do Banco Noroeste, entrevistamos o último filho vivo do casal, Luiz Simonsen. Ele morava na Avenida Rebouças, em São Paulo. Nos emprestou, para reprodução, um álbum organizado pelo próprio Wallace Simonsen, com fotos de São Bernardo e sua letra nas legendas. E explicou, Luiz Simonsen, o significado de LU-NE-MA-JO-LU-ZA-LU-I:

1 – LU de Lucy, a Lulu, a primeira filha.

2 – NE de Nenê, a Lucilla.

3 – MA de Mário.

4 – JO de Jorge.

5 – LU de Lu mesmo, apelido de Maria Luiza.

6 – ZA de Zaíra.

7 – LU de Luiz.

8 – I de Irene, a caçula. 

Dos oito filhos, uma mulher, Zaíra (1913-1968), fez questão de ser sepultada em São Bernardo. O jazigo da família fica quase junto aos muros da Avenida Redenção. Tantos anos depois deixou de receber flores regularmente porque os dois imensos vasos de cobre foram furtados.

São histórias que demonstram, ao mesmo tempo, a simplicidade de uma família poderosa, economicamente, e que talvez os próprios descendentes desconheçam em detalhes.

Juventude

Texto: Elexina D’Angelo 

Dia 30 de novembro comemoramos a data do nascimento da nossa Maria Myrths Setti Braga, que podemos ver nas duas fotos: a da formatura do ginásio em 1942 e a da formatura do curso Clássico em 1945, aos 20 anos. 

Em 1947, Dona Myrths formou-se em Filosofia e Letras Neo-Latinas pela Faculdade Sedes Sapientae, acontecimento incomum em São Bernardo entre as mulheres daquela época. 

Sempre ativa e determinada, com cerca de 80 anos, Dona Myrths disse para nós – eu e meu marido Vicente – que adorava a companhia dos jovens, pois muito tinha a aprender com eles. 

E assim, sempre renovada, Dona Myrths alcançou os 90 anos em 2015, falecendo no ano seguinte.

Admirada pela visão empresarial que tinha e as várias atividades sociais e culturais que exercia na cidade, sua lembrança permanece em nossa memória com o frescor de seus 20 anos.

Diário há 30 anos

Domingo, 29 de novembro de 1987 – ano 30, edição 6612

Polícia – Constituinte avança para a democracia participativa. Título do Artigo publicado por Ricardo Lewandowski, professor e secretário jurídico de São Bernardo.

Lewandowski escreveu: “Os eleitores não têm como influir nas decisões dos eleitos, mesmo que estes não cumpram compromissos”.

Política II –  “Nova Constituição será a mais reacionária”, assegura Luis Carlos Prestes, ex-secretário do PCB, em entrevista a Edmilson Zanetti.

São Bernardo – A cidade rediscute 43 anos de autonomia política.

Memória – Uma escola de Santo André em 1904. Acervo: família Apolonio. Escrevíamos: “1904, a data da foto mais antiga que se tem conhecimento de um grupo de alunos na cidade”.

Natal – Pomba da paz decora fachada do Diário.

Em 30 de novembro de...

1897 – O subdelegado da Vila de São Bernardo, Arthur Queirós dos Santos, invade o Paço e arrebata do poder do secretário da 2ª seção qualificadora, Ítalo Setti, livros/talões de diplomas a serem distribuídos aos eleitores. 

O fato é comunicado pelo presidente da Câmara Municipal, João Baptista de Oliveira Lima, ao presidente do Estado, por telegrama.

1917 – O industrial Antonio Pereira Ignacio, da Tecelagem Ipiranguinha, compromete-se a contribuir mensalmente com 50 mil réis para as obras religiosas da Igreja Matriz de Santo André.

Pereira Ignacio é o novo proprietário da fábrica de tecidos Lucinda, que pertenceu à Companhia Fabril de São Bernardo, a qual todos sempre chamaram de “Ipiranguinha”.

1938 – Sede do município de São Bernardo é transferida para Santo André. A antiga sede, na Vila de São Bernardo, é rebaixada a simples distrito. 

1944 – Distrito de São Bernardo recupera a autonomia. O Grande ABC passa a ter dois municípios independentes: Santo André e São Bernardo.

1972 – São Bernardo comemora 28º aniversário de emancipação com missa na Matriz da Boa Viagem e colocação de flores junto ao busto de Wallace Simonsen, na Praça Lauro Gomes.

Municípios Brasileiros

São Bernardo, emancipado em 30 de novembro, celebra seu aniversário em 20 de agosto, Dia do Santo Bernardo de Claraval. 

Outros 41 municípios brasileiros celebram aniversário em 30 de novembro, entre os quais os paulistas Franco da Rocha, Registro, Miracatu, Sales de Oliveira e Cosmópolis. 

Santos do Dia

Santo André. Um dos 12 apóstolos de Cristo. O primeiro a ser discípulo de Jesus. Patrono da extinta Vila de Santo André da Borda do Campo e do atual município de Santo André. Santo que dá o nome à Diocese do Grande ABC.

Justina Troiano

Hoje

Dia do Estatuto da Terra

Dia da Reforma Agrária

Dia do Teólogo

Dia do Síndico



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados