Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 13 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8338

Comerciante é preso após atear fogo em radar móvel

Reprodução  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Jose Orlando Alves de Oliveira foi flagrado enquanto cometia o crime, motivado por excesso de multas


Marilia Montich

18/11/2017 | 07:00


Um homem foi preso, na tarde de quinta-feira, após atear fogo em um radar móvel no bairro Rudge Ramos, em São Bernardo. O comerciante Jose Orlando Alves de Oliveira, 48 anos, foi flagrado por um operador de tráfego da empresa Consladel, responsável pela guarda do equipamento enquanto cometia o crime, no dia 12 de outubro.

O radar móvel destruído fica na altura do número 4.301 da Avenida Lauro Gomes. O operador de tráfego conseguiu filmar a ação do comerciante, que molhou o radar com gasolina, ateou fogo e fugiu em uma moto.

Após investigação e análise das imagens, policiais da Dise (Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes) conseguiram identificar a placa da moto e localizar o homem. Ele foi detido em sua casa, no bairro Vila São José, em Santo André, e encaminhado à delegacia.

Oliveira confessou o ato criminoso, motivado pelo descontentamento em relação à grande quantidade de multas recebidas após cometer infrações. Ele foi liberado em seguida, uma vez que não foi preso em flagrante, e responderá pelo crime de incolumidade pública e dano ao patrimônio. O veículo utilizado na fuga foi apreendido. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados